terça-feira, 30 de setembro de 2014

MOMENTO DE POESIA - NO DIA EM QUE NASCESTE

FIM DE FÉRIAS – NOVO CICLO

Tal como acontece na vida, em que há sempre um começo e um fim, também as férias terminam, têm o seu fim, e dão começo a um novo ciclo dos nossos dias, que compreendem vários períodos.
Este, o período das férias, geralmente corresponde a um tempo que aproveitamos para espairecer, sair do ambiente em que vivemos o resto do ano, descansar… enfim, quebrar a rotina de todos os dias.
Por agora não vou falar das minha férias. Vou deixar o tema para o próximo post, a publicar no próximo dia 14/11.


Como tenho dedicado o último dia do mês a “Momento de Poesia, convido-vos a partilharem comigo um poema que representa um  novo ciclo o começo de uma vida – que escrevi e dediquei à minha primeira neta pouco depois do seu nascimento.

  NO DIA EM QUE NASCESTE


No dia em que nasceste,
Meu amor,
Eu renasci!
O sol brilhou
 Com nova intensidade.
Nas árvores, cobertas de verdes folhas,
Os pássaros entoaram canções,
Duma outra felicidade.
 
Houve alegria no céu.
Os Anjos todos, reunidos,
Desejaram boa viagem
Ao companheiro que partia
Para habitar o teu corpo,
Que na terra aparecia.
Vieste bem de mansinho
Para o lar que te acolheu.
Trouxeste alegria infinda.
Só podias vir do céu.

Ao ver-te, meu amor, eu murmurei
Mil promessas de carinho,
Que, uma a uma, cumprirei.
Enfeitarei o teu caminho
Com belas flores perfumadas.

Milhares de estrelas
Reluzentes, coloridas,
Colocarei
Em todas as estradas
Que os teus pés irão pisar.
E uma fonte de água cristalina
Se ouvirá cantar
Quando passares.
O ar vais perfumar;
Com as mais lindas cores o vais pintar.
E o céu vai-se alegrar
Com teu cantar.
E quando forças mais já não tiver,
Meu amor,
 Continuarás a ver
Através do meu olhar cansado,
Que apenas para ti estará voltado.

Mariazita




 

Um “Muito obrigada!” a quantos vieram visitar-me na minha ausência.
A todos retribuirei tão depressa quanto a disponibilidade de tempo o permitir.
BEM HAJAM!

65 comentários:

  1. Nina minha
    Pensavas que me esquecia? NUNCA, jamais, em tempo algum!
    E como poderia eu esquecer o que considero um dos mais felizes dias da minha vida, quiçá de todas as vidas… aquele em que, primeira vez, viste a luz do dia?!
    Cheguei a pensar em ir parabenizar-te pessoalmente, mas… “outros valores mais altos se levantaram” 
    Não, não é “isso”! “Isso” ultrapassava-se com a maior facilidade, não duvides. Mas tinha assumido compromissos antes das férias, aos quais não poderia (pelo menos não deveria) faltar – nomeadamente a hipótese de venda de um imóvel.

    Sei que fizeste a primeira aparição ao mundo com um sorriso nos lábios, que te acompanhou até hoje. Não, eu não estava lá…, mas um passarinho verde me contou que, ao contrário do que fazem todos os bebés ao nascer – um choro dorido ao serem mimoseados com umas palmadas nos níveos rabinhos  - tu olhaste o médico e dirigindo-lhe o teu incomparável sorriso, deste uma valente gargalhada (não inventei, li na tua página do Face, dirigido ao teu amigo Jorge). Eu não estava lá… mas gostava tanto de ter visto!!!
    E é com esse sorriso que conquistas todos ao teu redor.,, e foi por esse sorriso que eu me rendi ao teu encanto – o mesmo que ostentas nessa foto sob o poema.
    O poema… Que maravilha! – não acrescento mais nada!
    Ainda não disse o principal. Aí vai:
    PARABÉNS! PARABÉNS! PARABÉNS!
    Do fundo mais profundo do meu coração, te desejo o mesmo que desejo para mim. (ninguém pode desejar melhor…)
    Teu
    Miguel

    ResponderEliminar
  2. Querida Mariazita

    Já tinha saudades tuas. E eis que regressas com um belo poema que muito me emocionou.
    A tua netinha é linda, linda. Desejo-lhe muitas felicidades como também aos felizes papás e à bela avó, toda ela amor.

    Muitos beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  3. Querida Ninocas

    Os PARABENS já eu te dei eu directo à meia noite... já sei que canto mal que me farto, mas foi o melhor que se pôde arranjar..:-))))

    O resto do que te queria dizer... enviei-te por mail... saiu do fundo do coração tudo o que lá deixei!

    O teu poema é lindíssimo, e a tua neta merece-o em absoluto, o gesto que ela teve em relação à doação do cabelo ... uma atitude que me enterneceu e me comoveu profundamente.

    Poucas são as jovens da idade dela que têm um gesto tão nobre.

    Feliz dia minha querida, até logo
    Tua Tareca

    ResponderEliminar
  4. Um novo ciclo começa em sua vida e desejo que seja abençoado, proporcionando-lhe alegrias incontáveis. Parabéns, Mariazita! Felicidades!
    As fotos estão ótimas e a neta homenageada em lindos versos é um encanto. Promessas de avó são cumpridas com imenso carinho e ela o perceberá, sempre. Bjs.

    ResponderEliminar
  5. Olá Mariazita,

    Que neta mais fofuxa! Linda!
    Um encanto de poema. Você estava mesmo inspiradíssima quando da chegada desse novo ser no seio da sua família. E não é para menos...
    Espero que tenha aproveitado bem o período de suas férias.
    Na oportunidade, deixo-lhe meu carinho e votos para um novo ciclo pleno de bençãos, saúde e muitas felicidades. FELIZ ANIVERSÁRIO!

    Beijo.

    ResponderEliminar
  6. As férias são sempre um tempo curto. Um período que se vai com a ventania da tempestade.
    Podamos fazer férias todos os dias. Vivendo e trabalhando com entusiasmo e descobrindo novas cores para cada dia.
    Linda a sua menina Neta. Felicidades para ela e também para todos os familiares.

    ResponderEliminar
  7. Muitas e muitas Felicidades para ti, minha querida.

    Parabéns!!! :)

    Muitos beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  8. "O bom filho a casa torna"...Isso é que foram férias, Mariazita!
    O poema que escreveste dedicado à tua primeira neta, é lindo, terno, e comovente. Como ela! E que olhos lindos que ela tem! É também de certa forma um compromisso de amor assinado no papel, como se necessário fosse...!
    Gostei do poema, o amor é sempre a maior fonte de inspiração, e das fotografias, testemunho de felicidade.
    É um prazer ter-te de volta às lides...:-)
    xx

    ResponderEliminar
  9. Esses seres tão especiais que vêm ao mundo por nós, por meio de nós, e que quando estão distantes deixam um espaço dolorido de saudade... espaço que precisamos saber preencher com o amor que permanece independentemente de qualquer distância ou intercorrência.
    Seus leitores agradecem o poema Mariazita.
    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Humm... acho que fui muito melancólica no comentário. É que vendo sua netinha, senti saudades de um meu filhinho que está distante. Linda sua menininha!
      Beijo, Mariazita!

      Eliminar
  10. Que esse novo ciclo seja regado de alegrias.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  11. Parabéns pela beleza da netinha e pelo encantador poema!!!
    bj amigo e muita sorte para a família!!!

    ResponderEliminar
  12. Querida amiga Mariazita, tudo leva a crer que esse rejuvenescimento, do novo ciclo de que falas, te inspirou. Nada com o nascimento de um neto para nos motivar a descrever o quanto nos fala à alma. Eles são sempre o futuro, um futuro que nos anima. Serão a nossa vida futura.
    Parabéns mulher poeta!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Mariazita querida, feliz aniversário!!! Que sua vida seja maravilhosa como seus poemas. Sua neta nasceu com olhos lindos, desses que derretem o coração da gente. Parabéns! Pela neta, pelo poema, pelo aniversário e por ser uma pessoa radiante. Beijos!

    ResponderEliminar
  14. Querida, muito querida, amiga
    O triunvirato combinou vir dar-te os parabéns só à noite, depois de teres apagado as 100 velinhas!!! O quê? Não são 100? Mas olha que foi o que elas me disseram rsrsrsrsrsrssssss.
    Agora falando sério, elas estão à espera de ver o meu comentário publicado para avançarem.
    Combinamos vir por idades, e como sou a mais velha (ou menos jovem...) das três... cá estou.
    Trago-te um abraço daqueles que só nós sabemos dar :)
    E milhões de beijinhos.
    E pronto, o resto deixo com elas.
    Voltaremos para comentar o post. Agora é só para dar miminhos..
    Tua Zé

    ResponderEliminar
  15. Querida amiga Mariazita, Que bem te ter de volta, férias são necessárias para que nos retorne o bom animo e novas alegrias.
    Que encanto de doçura ficou seu poema para a sua netinha. Um novo e maravilhoso ciclo, onde recebemos um serzinho divino em nossas vidas. E você colocou em seu poema com delicadeza e muito amor, tudo o que representa a chegada desse serzinho tão especial.
    Parabéns poeta por esse dom maravilhoso.
    Beijos com muito carinho
    Marilene

    ResponderEliminar
  16. Minha querida
    Estive na fila de espera montes de tempo porque aquela Zé :)))) nunca mais largava o osso.
    Muito fala aquela rapariga! A saber que nós estávamos à espera, e vê lá o que ela se preocupou.
    Tínhamos combinado que vínhamos aqui, dávamos um beijinho de parabéns, e pronto.
    Mas com ela é sempre a mesma coisa. Estou farta de lhe dizer para deixar a língua em casa, mas ela não liga nenhuma. Sabes uma coisa? Está sempre na mesma, não muda nada! Para parlapatear não há como ela.
    Mas sabes o pior? É que está a contagiar-me!
    Olha, a Mena já está a telefonar-me, a apressar-me...
    Ainda não disse "parabéns" pois não?
    Então... aí vai:
    PARABÉNS, PARABÉNS, PARABÉNS! Muitos anos de vida cheio de felicidade.
    Deixo-te "aquele" abraço e mil beijinhos.
    Tua
    Ana

    ResponderEliminar
  17. Até que enfim! Aquelas duas são piores que o "Deus me livre"!
    Meu amor, minha querida, minha linda, minha tudo!!!
    PARABÉNS!
    Começo logo pelos parabéns, que é para não esquecer.
    Mas eu não vou demorar-me. É que daqui a pouco elas estão aí. Vamos sair as três (sentindo imenso a tua falta...) para beber um copo (ou 2, ou 3,,, ou os que forem...) em tua honra. Tens que fazer um esforço para refazermos o "quarteto".
    Bom, mas não precisas ficar preocupada com os copos que vamos beber. Nenhuma de nós leva o carro, vamos e regressamos de táxi.
    Agora vou, e depois volto - voltamos - para ler o post e comentar.
    Beijinhos muito doces e "aquele" abraço...
    Tua
    Mena

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Zé, Ana e Mena (por ordem de entrada)
      Minhas queridas, bem diz o Miguel - vocês estão cada dia mais loucas! :)))
      Falto aí eu para estabelecer o equilíbrio!
      Tenham lá calma que qualquer dia o quarteto volta ao activo...
      Mas não me pressionem... vocês sabem como eu sou: muito democrática, respeito sempre as vossas opiniões, mas... quem manda sou EU!!!
      Balança é para isso mesmo:)

      Deixem-me trabalhar, que tenho muito o que fazer.
      Beijos, muitos, com carinho e muito amor para dividirem pelas três, mas... POR FAVOR! sem guerras, chegam para todas!
      Vossa Mariazita (Nina)

      Eliminar
  18. Um poema dedicado à primeira neta: tão sentido, tão belo, tão comovente...
    Que seja uma menina feliz.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  19. Querida Manita,

    Antes de comentar o poema quero dar-te mais um grande beijinho de Parabéns e espero que o teu dia tenha sido muito feliz. Sei que os festejos são noutro dia mas em todos eles tu mereces todos os mimos do Mundo.
    Quanto ao poema...lindo como tu e como a tua neta ,que se transformou numa linda jovem e cheia de sentimentos muito nobres.
    Com uma avó destas também não foi difícil e sei o quanto fizeste por esta tua primeira neta.
    Os netos fazem de nós os seres mais felizes do Mundo e por eles somos capazes de tudo....sei bem como é!
    E agora, minha querida, deixo-te o meu sorriso para se juntar ao teu e assim todos seremos mais felizes.
    Que os anjos te acompanhem até ao fim deste teu dia especial e especial para todos os que te amam.
    Mil beijinhos
    Canduxa

    ResponderEliminar
  20. Olá, querida
    Que lindo ser vovó feliz e poetar, com tanta intensidade, face a tanto amor no coração que ama a uma pequenina...
    Bjm fraterno e parabéns!!!

    ResponderEliminar
  21. Olá Mariazita. Parabéns! Muita saúde felicidades e sucesso. Parabéns pala Linda neta. Um encanto de poema, linda homenagem! Beijos

    ResponderEliminar
  22. Recordar é viver e quando o vivido se cobre de satisfações tudo se torna mais prazenteiro dando sentido ao vivido.
    Que venham muitos anos mais de vida plena.
    Notava a tua ausencia, é bom voltar a ler o que escreves...
    Abraços de vida

    ResponderEliminar
  23. Mariazita minha querida,


    Que rico de emoções foi este post! Já o título “ novo ciclo” que é seu , as suas grandes emoções no correr da vida. Aqui reitero o meu desejo de felicidades para você e toda família linda que formou . Está em e por tudo de parabéns, Mariazita. A neta é linda e imagino o orgulho que tem desta avó maravilhosa, assim como a avó tem desta neta maravilhosa.

    O poema é lindo ( e me veio a memória de já o ter lido aqui, alguma vez) . Hoje a emoção foi somada por todos os significados e junções que o meu coração fez nesta releitura. Nesta imensidão de afetos eternos neste dia. Esta ligação sublime!

    A sua foto no hospital e este abraço cúmplice e companheiro de vida, desta felicidade, deste momento sublime de vocês.... Ah, nem sei como escrever o tudo que vejo e sinto , mas meu coração sabe traduzir.


    “Meu amor,
    Continuarás a ver
    Através do meu olhar cansado...”

    Lindo Mariazita! No tudo que representa estas palavras vivas e eternas de AMOR ( emocionada..)


    Grande abraço, grande beijo. Com amor.


    Felicidades para todos !

    ResponderEliminar
  24. Olá Mariazita e bem-vinda. Aposto que a neta inchou de orgulho e amor, quando leu estes versos. Um bebé personifica o maior dos renascimentos, enche uma casa de alegria e os dias de sorrisos. Sei bem como se sentiu.
    Um beijinho. Que o novo ciclo seja farto.
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderEliminar
  25. Minha querida, eu bem quis... mas não tive mesmo hipótese de vir ontem dar-te um beijinho :(
    Já estamos no Canadá, e ressentimo-nos um pouco. A Clarinha anda meio constipada, a Estrela preocupada... e eu a ampará-las, que remédio! :) - mas faço-o com todo o gosto, como sabes.
    Não vou alongar-me, tu entendes...
    Quando regressar, daqui por duas semanas, que é quando terminam as férias, ligo-te para falarmos e contares-me como foi o teu dia de anos. Espero que o Miguel te tenha ligado, já que eu não o pude fazer. E o triunvirato também! :) - estão cada vez mais malucas :))))))))))

    Beijinhos aos molhos... e um xi coração muitoooooooooo apertado.
    Teu
    Carlos (Botinhas)

    ResponderEliminar
  26. Olá, Mariazita!

    O talento, já sabemos que tu o tens, e depois o motivo de inspiração fez o resto:o dar à luz um lindo e ternurento poema.Dedicado a uma netinha já crescida que muito o gostará de ler. Ainda que nele certamente nada encontre de novo, sabendo ela a avó que tem...

    E como espreitei do que foi escrito atrás, só me resta dar-te os parabéns. E desejar que faças muitos mais, com boa disposição e saúde.

    Beijinhos amigos
    Vitor

    ResponderEliminar
  27. Importantíssimos, os novos ciclos de vida! Sejam depois das férias, no nascimento de uma neta, na produção de qualquer projeto...O "não comum" é marcar o novo ciclo com tão bem elaborada poesia, onde o amor transborda. Assim, parabenizo o seu "renascer", quando do nascimento da neta, que gerou tão bela poesia, e essa sua alegre disposição, para o ciclo que se abre..Felicidades!
    Beijo,
    da Lúcia

    ResponderEliminar
  28. Parabéns, vocês merecem serem felizes.
    Bjs

    ResponderEliminar
  29. Olá Mariazita...
    Sabes... em breve vou ser avô. Pela primeira vez.
    Menino... menina.. não interessa. Se for rapaz, lá terei que ensiná-lo a jogar futebol. Um menina , talvez tenha que ensinar a andar de bicicleta...

    Imenso sorriso, Amiga!

    João

    ResponderEliminar
  30. Mariazita,bom dia e abraço fraterno pra ti!
    Lindo modo de recomeçar.Fotografias e versos inspirados que evocam doçura,carinho e imenso amor nessa ligação entre você e sua neta querida.
    Meus melhores votos de felicidades em mais este novo ciclo na tua vida!

    ResponderEliminar
  31. É mesmo Mariazita, fim de férias, é tempo de recomeçar a nossa actividade nos blogs...
    Lindo poema á netinha, ainda não sei qual a sensação de ser avó, mas lá chegará o dia.
    Um beijinho grande

    ResponderEliminar
  32. E regressaste da maneira mais sublime que se pode ter: um poema emocionado que transmite todo o encantamento de ver chegar um ser tão frágil mas tão poderoso no amor tão especial que transmite. São tantas as sensações e sentires que as palavras são sempre parcas. Renasce-se porque, dizem, é um encantamento ainda maior do que quando se dá à luz um filho. Lindíssima a tua netinha. Parabéns a todos vós!
    Sobre a pausa, as férias, só quem se desliga da realidade é que poderá não entender (eu própria tenho falta de tempo para visitar os blogues com a assiduidade que gostaria).
    Então, inté...
    BJO :)

    ResponderEliminar
  33. Oi Mariazita!
    Adorei a poesia, o sentimento de felicidade, de ver nascer a primeira netinha ficou bem registrado na sua linda poesia, é emocionante sentir esse amor, e sua neta é muito lindinha, parabéns.
    Parabéns também pelo seu aniversário, que Deus a abençoe sempre.
    Feliz retorno e que esse novo ciclo seja cheio de muitas alegrias!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  34. LINDA, MUY BONITA DEDICATORIA. ME GUSTA SU DELICADEZA.
    UN ABRAZO

    ResponderEliminar
  35. Olá, Mariazita!

    Chegou tarde, mas chegou - o bom tempo.E talvez que até saiba melhor agora, temperado pela suavidade de Outono...

    Um bom fim de semana; beijinhos amigos
    Vitor

    ResponderEliminar
  36. Olá Mariazita, como estás?
    Ando afastada e comento muito pouco em alguns blogs por variadas razões, a principal delas é o tempo...vamos ao post que somente li hoje.
    Linda poesia e que gostosa sensação de segurar uma netinha nos braços pela primeira vez, não é?!
    Vive isso há quase seis meses e me sinto mãe, já que avó é mais duas vezes. Também escrevi uma poesia dedicada ao meu Gabriel e postarei brevemente.
    Gostei muito das fotos, dos sentimentos nítidos em cada verso.
    Bjocas

    ResponderEliminar
  37. OI AMIGA
    Que bom que vc voltou. Seja bem vinda sempre. Parabéns linda netinha. Meus parabéns um pouco atrasada.Parabéns!!!

    Que a Luz de Deus venha até você
    Ilumine os seus caminhos e te encha de graças
    Alegrando mais ainda este dia especial, o seu aniversário.

    Muitas Felicidades!
    Muita saúde,
    paz,amor,
    alegrias,
    conquistas
    e realizações
    infinitas...

    Beijos no

    ResponderEliminar
  38. Boa noite Mariazita.
    Parabéns por ser vóvó, a netinha é muito linda.
    Parabéns super atrasados, mas desejo muita saude, alegria e muito amor.
    Agradeço a visita, a verdade é que tenho alguns dedais bem raros, como os da África do Sul. São lindos as fotos não mostram a beleza deles
    Feliz fim de semana
    Brijonhos

    ResponderEliminar
  39. E que outra coisa poderia uma avó babada (são todas) e poetisa (só algumas) oferecer à sua recém nascida primeira neta?
    Um poema, pois claro! Muito especial, acrescento eu.
    Ainda que com alguns anos de atraso, parabéns às duas. :)

    ResponderEliminar
  40. Mariazita..
    Grande surpresa ao saber que estas de volta sinto saudades
    de si minha amiga.
    Parabéns pela linda netinha que Deus de a ela saúde paz e felicidade juntos dessa vovó tão linda e amorosa .
    Uma feliz semana abraços.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  41. Muito bom, Mariazita; como também é muito bom ver-te de volta! :) Boa semana, amiga; que linda netinha!

    ResponderEliminar
  42. Que bom que já estás de volta, querida amiga! Aos poucos vamos regressando à nossa rotina depois de umas férias mais ou menos longas. Eu já há muito que regressei, mas, o meu irmão e cunhada vieram passar umas semanas aqui a Portugal e por isso ainda estou bastante ausente.Já soube que foi o teu dia de aniversário e não vim cá, esperando que me desculpes. Mas é sempre tempo de desejar a uma amiga muitas felicidades e deixar-lhe um beijinho muito especial e a certeza da minha sincera amizade. Adorei o poema à tua neta, amiga! Também já sou vóvó de uma menina e de um menino e sei o que representam para nós esses seres abençoados. Felicidades para ela também, Mariazita. Mais uma vez, desculpas pela ausência, sim? Beijos e abraços mil.
    Emília

    ResponderEliminar
  43. Que linda e enternecedora Poesia dedicada à neta ! Os Netos são uma alegria para os avós . Eu senti uma felicidade enorme quando as minhas duas netas nasceram , felicidade que me tem acompanhado ao longo dos anos ! Elas agora, com 16 e 20 anos , já não precisam que cuide delas , agora são elas que me apoiam e me ensinam a utilizar as novas tecnologias , que eu não domino bem , mas que para elas não têm segredo. Adoro as minhas netas , que são muito carinhosas e amigas !

    ResponderEliminar
  44. Saudade de vc,Mariazita! Que bom que aproveitou bem o descanso das férias! Sua netinha é fofa demais! Que bela poesia em sua homenagem! bjs e ótima semana,

    ResponderEliminar
  45. Olá Mariazita! Fico feliz que tenhas voltado. Sabes que aqui serás sempre bem-vinda, a casa é tua e podes ficar à vontade. Adorei o poema! Belíssima homenagem para uma linda netinha.

    Beijos e uma ótima semana para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderEliminar
  46. Oi Mariazita
    Bom voltar a tua casa e encontrar um belo poema com fotos lindas onde a protagonista são as pessoinhas mais queridas das nossas vidas os filhos os netos.
    Parabéns pela família e pelo dom da escrita,
    abraços e saudades!

    ResponderEliminar
  47. Nada como voltar ao seu palácio e encontrar um lindo poema para nosso deleite.
    Querida amiga, tenha uma boa semana.
    Beijo*
    Renata

    ResponderEliminar
  48. Linda, Mariazita! Lindo texto e lindas imagens... Um derramar intenso de carinho e sentimento.
    Beijos, bom retorno e bem-haja!

    ResponderEliminar
  49. Querida amiga Mariazita!
    Linda e sensível sua postagem. Que menina bela!
    Esses registros são muito ternos. Instantâneos para toda Eternidade. Quando o que nos toca ao coração se reflete em grande luz.

    Beijos e ótimos dias!

    ResponderEliminar
  50. Passei para lhe desejar um bom dia Mariazita!!!
    Bjs
    Maria

    ResponderEliminar
  51. Querida amiga:

    Tenho dois filhos mas ainda não tenho netos, mas deve ser uma experiência maravilhosa.
    O seu poema é tão lindo, tão repleto de amor que me emocionou.
    A sua netinha é linda, sai à avó !
    Desejo-vos toda a felicidade do mundo!
    Fico feliz pelo seu regresso ao nosso convívio.

    Beijinhos



    ResponderEliminar
  52. Minha amada Mariazita.
    Sua netinha além de linda me faz recordar é da bisneta
    que já completou seu dois aninhos .
    Como passamos depressa pelo tempo implacável...
    ma beijo no coração.
    E uma semana abençoada.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  53. Querida Mariazita
    Que linda menina! Que bem merece um tão belo poema!
    Sei entender muito bem cada palavra que escolheu para homenagear este Anjo ,que a enche de felicidade e a faz renascer!
    Senti e sinto o mesmo,de cada vez que falo ou tenho a oportunidade de estar com as minhas meninas.
    Os netos são uma bênção nas nossas vidas.
    Parabéns em dobro,pelo poema e pela netinha.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  54. Olá amiga linda, e que linda é essa bela rosinha em botão, espero que essas férias tenham sido em beleza, grata pela visita e que lindo é seu poema. Os netos fazem com que até se aprenda a poetizar, você meu bem já nasceu assim linda escritora, mas eu tinha uma pequenita tendencia e a minha neta me inspirou.
    Ainda hoje, mesmo sem a ver já há quase dois anos, ainda a minha inspiração sempre tem as suas lembranças.
    Querida tenha um bom fim de semana com beijinhos de luz e paz.

    ResponderEliminar
  55. Olá, Mariazita!

    E com o fim de semana à porta, cá deixo os meus votos de que ele te possa saber bem.

    Beijinhos amigos
    Vitor

    ResponderEliminar
  56. Olá, Mariazita
    Amanhã, é um novo tempo.
    Passei para lhe desejar Paz, Saúde e Alegria.
    Todo tempo, é de reflexão. E este, nos convida sempre á refletir, principalmente, sobre nós mesmo.
    Feliz tudo.

    ResponderEliminar
  57. Mariazita, que poema lindo e carregado de amor!!! A neta? Uma fofura!!!
    Beijinhos, bom domingo e bom Outubro :)

    ResponderEliminar
  58. Querida Mariazita, muitas e muitas felicidades para ti e para quem amas!!

    Bom regresso , que é uma alegria ver-te por aqui, rrs

    neninha , abraço fraterno e apertado :)

    ResponderEliminar
  59. Aguardando o próximo post, amiga, desejo-te uma boa semana!

    ResponderEliminar
  60. Oi Mariazita,
    Você é Divina escrevendo poesias. Fiquei muito emocionada no final.
    Obrigada pelo carinho na minha poesia no meu blog e do Viviani.
    Que Deus dê muita saúde para todos nós.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  61. Querida
    Passando para te desejar um começo de semana muito feliz.

    Nem todos os anjos tem asas, às vezes eles têm apenas o dom de te fazer sorrir.
    Com carinho
    Ana

    ResponderEliminar
  62. linda, linda a sua netinha. Que a vida lhe seja brisa leve e doce.
    Muitas felicidades...lindo o que lhe escreveu.
    Não há nada como a dádiva de ser avó
    Abraço*

    ResponderEliminar

A SI, QUE VEIO VISITAR-ME, UM GRANDE
BEM HAJA!

BEIJINHOS
MARIAZITA