quarta-feira, 24 de novembro de 2010

REMODELAÇÃO DA CASA DA MARIQUINHAS

A Casa da Mariquinhas foi remodelada.

Agora as janelas de tabuinhas estão enfeitadas com LÍRIOS dos jardins do Macuá; e à noite, quando não há tertúlia de fado, podem ouvir-se HISTÓRIAS DE ENCANTAR

Vamos escutar a que hoje está sendo lá narrada.

HISTÓRIAS DE ENCANTAR










O RAPTO DE PERSÉFONE

Diziam os antigos gregos que, no início dos tempos, não existiam as estações do ano.
Na Terra só havia a Primavera, com as suas flores, beleza e suavidade.
Nessa época andava pelo mundo uma jovem belíssima chamada Perséfone.


Era filha de Deméter, (Ceres) a deusa do casamento e das colheitas.

Um dia Perséfone (Proserpina) apanhava flores e cantava feliz, quando foi vista pelo deus do mundo subterrâneo, o terrível Hades (Plutão), que, apaixonando-se perdidamente pela jovem, raptou-a,

levando-a para o seu mundo da escuridão.

Na superfície, ao fim de mais um dia de trabalho, Deméter percebeu o desaparecimento de sua filha e, desesperada, gritava o seu nome pelos campos.
Como ela era a deusa das colheitas, a sua tristeza e saudade fizeram as flores murchar e os frutos das árvores secar.
Surgiu a fome e a desolação entre os homens.
Desesperados, estes pediram a intervenção de Zeus, (Júpiter) deus de todo o universo, para que resolvesse aquela situação.
Zeus, irmão de Hades, resolveu intervir, chamando seu filho Hermes (Mercúrio), o único a poder entrar nas profundezas, por possuir a palavra sagrada impronunciável que abria os portais do mundo dos mortos.
A sua missão era convencer Hades a libertar Perséfone.

Indo até lá encontrou Perséfone ao lado do marido.
Instado a libertar Perséfone, Hades respondeu-lhe que podia levá-la quando quisesse.
Mas, para grande surpresa de Hermes, Perséfone recusou-se a regressar à superfície.
Hermes insistiu dizendo que, se ela não regressasse, desapareceriam os alimentos da terra, e os homens morreriam.

Mas, após ter conhecido o prazer e os frutos da romãzeira - que era o fruto do casamento - dados por seu esposo Hades, o que a tornara uma mulher exuberante e madura, negava-se a sair de lá, local onde se tinha transformado e apaixonado por seu amo e senhor.

Então, usando da sua inteligência e esperteza, Hermes fez uma proposta a Hades.
«Perséfone não poderá abandonar o seu marido, que tanto ama. Por outro lado não poderá abandonar sua mãe que, com tanta tristeza, está a deixar a terra estéril e os homens sem alimento”.

Propôs, então, que ela passasse nove meses na superfície, junto a sua mãe Deméter - período de florescência, maturação e colheita. No período invernal, nos três meses seguintes, enquanto a Terra dormisse, ficaria em companhia do seu esposo Hades.
Perséfone deveria realizar este serviço imposto, tomando consciência de que serviria ao esposo, dando-lhe prazer e recebendo amor, mas que também serviria à Terra, à mãe e à Natureza.
Hades concordou.

E foi assim que surgiram as estações do ano.

Quando Perséfone está na Terra temos a Primavera e o Verão.
Durante o Outono Perséfone prepara-se para descer às profundezas. Por isso o tempo torna-se frio e das árvores caem folhas de tristeza.
Quando Perséfone está ausente surge o Inverno : não há sol, nem flores, nem frutos.
Mas, quando ela volta, volta também a Primavera.
E podemos, então, apreciar a alegria de Deméter a espalhar-se por toda a Natureza, enchendo os nossos corações de esperança e os nossos olhos de beleza.

28 comentários:

Zé do Cão disse...

Que grandes obras, meu Deus.
E que trabalhadores/as. Com pessoal assim, tenho a certeza que aos Lirios nunca vão faltar água. Os tempos mudam e há que dar um ar diferente à casa da Mariquinhas.
Espero que continue a ter muitos, muitos visitantes e que o sorrir da Mariazita continue a fazer as honras da casa.

bj.

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Bom dia, Mariazita!

Que linda história! Eu adoro mitologia.
E mãos a obra! A casa por aqui vai ficar um luxo, tenho certeza!

Beijão!

Desnuda disse...

Mariazita,

eu adoro esta lenda!!! Linda, amiga!

Beijos com carinho enormeeeeeee

carol disse...

Parece que a gripe lhe fez bem... Grandes mudanças!

Fernanda disse...

Querida Mariazita!

Bem vinda à vida dos contos e à Blogosfera que tanto a aprecia.

Este é um conto de sonho!
Sabe bem como os adoro e este tem todos os ingredientes para me deixar fascinada.

Agora já tenho mais uma razão para explicar a minha frustração quando o Outono se instala e dá lugar ao Inverno.

Mesmo sendo o tempo do amor e das romãs, coisas que naturalmente também gosto muito :)))))))))
prefiro indubitavelmente o resto do ano.

Beijinhos

Marilu disse...

Querida amiga, adoro mitologia, li e reli várias vezes. Lindo. Preciso de um favor teu, em qual blog o Daniel fez o lançamento do livro dele, eu não consigo achar. Se puder me ajude. Beijocas

São disse...

Interessantissima a mitologia e as religiões.

Neninha, já fui ver as fotos no facebook...finalmente!!!

Acho que a reportagem está muito completa e verdadeira.

Fiquei com pena do teu filho, a quem acabaram as baterias...pois a mim, já me aconteceu igual.

Uma noite serena te desejo.

Miguel disse...

Olá, Mariazita!

Mitologia é sempre fascinante. Mexe com nossa imaginação.
Que a reforma por aqui seja muito bem sucedida!

Feliz fim de semana.
Deus seja contigo.
________________

“No tumulto das obrigações que nos cabem cumprir, na esfera humana, existe no imo do ser o recanto da paz em que nos é possível o reencontro incessante, e nesse doce cenáculo de meditação e prece estamos habitualmente mais juntos.
Não esmorecer, não nos afligirmos em demasia. Agir com serenidade e confiança. Às vezes parece que o barco estala sob a tempestade, mas o Cristo - só Cristo - é o timoneiro.Conservemos a ordem no piso de nossa embarcação e o entusiasmo se nos fará invariavelmente o teto, a fim de que, de permeio, à feição de carga valiosa, possamos conduzir para Deus o nosso dever bem cumprido.
Ânimo e fé viva”.

(Chico Xavier)

poetaeusou . . . disse...

*
deliciei-me,
com o teu texto,
parabens,
,
conchinhas,
,
*

Sonhadora disse...

Minha querida Mariazita

Está lindo e a história e sublime.
Adorei

Deixo um beijinho carinhoso
Sonhadora

Zé do Cão disse...

Mariazita

confere se o problema já está ultrapassado.

bj.

diz-me algo

Tite disse...

Por isso gosto tanto da Primavera, como Mãe e amante da Natureza.

Não me faço seguidora porque já sou mas congratulo-me por ficarmos todos a beneficiar com esta fusão.

Assim, duma cajadada matamos 3 coelhos -;))

Bom FdS
Beijossssss

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Oi, Mariazita, querida!

Daniel é mesmo uma figura ímpar! rsrs
Muito engraçado. Eu e ele rimos muito juntos. E a história do Lamburanje é mesmo hilária! Acredita que ficaram amigos? rs Daniel sempre passa na caixa dele pra visitá-lo... até caixas novas já deu a ele. Quis ajudá-lo, mas ele não quer sair de lá de onde está. Quer mesmo é morar na caixa!

Quanto ao blog de livros, já pensando nas pessoas de outros países que o visitam, eu não sei se você reparou, mas sempre depois do nome do livro em português, eu coloco, entre parênteses, o título original do livro, bem como o nome do autor. Então, vc pode sempre dar uma olhadinha no nome dele original pra poder pesquisar aí como se chama. ;)
Muito obrigada pela ajuda, viu?
Não me esquecerei.

Um beijo grande no seu coração.
Lindo fim de semana pra ti!

Lilá(s) disse...

E cá estou eu pronta para acompanhar mais histórias...
Beijinhos

AC disse...

Mariazita, ainda bem que regressou. Faça lá então as arrumações que entender, que a gente espera.

Beijo :)

Irene Moreira disse...

Mariazita
Linda a história grega. Estou em falta nas minhas visitas e me encantar com suas histórias.
Passarei lá para matar as saudades.

Obrigado pela visita, pelo carinho em apoiar ao meu conto.

O conto já está postado no Fio de Ariadne ( http://fio-de-ariadne.blogspot.com)

Vou agora visitar aos seus blogs e ler sua postagem do lançamento do seu livro.

Estou agora em parceria com uma amiga publicitária com um blog de divulgações e promoções. Pensamos em estender nossas divulgações para nossos amigos portugueses e a outros países. Para isso temos que aumentar nossos seguidores nesses países e estamos buscando blogs portugueses que façam o mesmo para sermos parceiros. Pode deixar que estamos com o seu livro na lista.
Isso será inédito e também porque existem muitos portugueses que moram no Brasil e vice versa.

Beijos no seu coração e um lindo dia.

Livinha disse...

Olá minha amiga.
Tuas histórias sempre t~~ao encantadoras, tão bem narradas por ti.

Lindo Domingo pra ti

Bjs

Livinha

SAM disse...

Mariazitaaaaaaaaaaaa

Eu também sarapo você!

Melhor explicar esta palavra que aprendi com voce hoje kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

* Sarapo = Eu te amo em grego.

Beijos amada!

Lis disse...

Oi querida
Está uma luxo essa casa de Mariazita, toda remodelada.
gostei muito do Rapto de Perséfone, esses nomes é que me embaralham rsrs
o final muito criativo com essa beleza que é as e
staçoes do ano cada uma cumprindo seu papel.
Parabéns
deixo abraços

- respondi email

Táxi Pluvioso disse...

Ah! Perséfone é uma metáfora da Ferreira Leite (que abundância trouxe ao povo do orçamento) good sunday.

Bergilde Croce disse...

Mariazita,gostei da abertura do post e do seu blog sempre dá prazer ler.Cada lenda traz um ensinamento e as gregas são realmente lindas.Aprendo sempre contigo!Sobre o nosso contato:
Não consigo abrir o outlook do meu pc.Meu email é bergilde@gmail.com
Abraço grande e boa semana também!

Pelos caminhos da vida. disse...

Um belo retorno para vc amiga.

Seja bem vinda!

Bom domingo.

beijooo.

Pérola disse...

Bela mudança minha flor.
Amada,qual o real valor aqui no Brasil?
E me explica melhor pq estou confusa,ñ entendi muito bem.
Já tentei fazer um depósito para Portugal e ñ consegui pq pedem documentos minha linda.
Qual é o banco?
Beijokas mil.

Bergilde Croce disse...

Mariazita,só pra dizer que respondi a ti lá nos registros dos filhotes e aqui reforço meus parabéns pelo livro publicado e registros da casa!

Saozita disse...

Querida Mariazita, cá estamos a ver as remodelações, de vez em quando são precisas e concerteza que sairão muito bem.
Esta é uma linda história, adorei ler.

Querida amiga, desejo-te uma boa semana e cumprimentos ao marido tudo de bom para toda a família.

Beijinhos com amizade e carinho

Sãozita

Amanda Luna disse...

Oii, amei essa história, adoro mitologia!!
beijão
www.sermulhereomaximo.com.br

orvalho do ceu disse...

Olá, Mariazita querida
"era o fruto do casamento - dados por seu esposo Hades, o que a tornara uma mulher exuberante e madura"...
Gostei muito e recortei para guardar no coração... uma bela mensagem...
Abraços fraternos e bjs de paz.

JADY*ALVES disse...

Olá Mariazita!
Que Belo Amiguita amei, adoro contos mitológicos e contado assim por minha amiguita o deixa ainda mais belo.
Não a conhecia, então assim nasceram as Estações? Lindo, lindo.
Amiguita,
Entrei rapidinho pra deixar meu rastro por tua casita, casa nova, cara nova e tudo tão gostoso como sempre esteve por aqui.
Te deixo meu beijo e breve te mando e-mail com meus dados ta?
Fica com Deus! Feliz por estar aqui contigo, te desejando muito amor e ternura.
Tua amiga,
Jady