quinta-feira, 13 de abril de 2017

MOMENTO DE POESIA – DESTINO



DESTINO
Olhaste para mim
Como se olhasses para uma folha de papel vazia
Onde querias gravar as palavras
Do nosso destino.

Pedi-te que deixasses
Espaço bastante entre as linhas
Para que eu pudesse escrever
Nas entrelinhas.

Não quiseste ouvir-me.
E quando tentei que chegasse junto a ti
O meu sentir,
Faltava espaço para me exprimir.

O nosso destino passou a ser
Apenas o que desejavas para nós.
Mas uma só vontade não basta
Para dois trilharem um caminho a sós.

Sem esperança de retorno,
Deu-se a despedida.
Cada um seguiu o seu destino.
E, agora, eu já não sou uma folha de papel vazia.


Mariazita

PS – Vou ausentar-me por uns dias. Quando regressar agradecerei todos os comentários recebidos.
A TODOS UMA PÁSCOA MUITO FELIZ!

49 comentários:

Os olhares da Gracinha! disse...

O Destino ... para mim ... já traçou nosso "destino" e o seu passa por nos dar um belo momento poético!!!
Santa Páscoa!!!

Reflexo d'Alma disse...

Gosto da ideia de swrnos paginas
Probtaa a serem tanto preenchidas
quando oaginas viradas, pois sessa forma vejo e sinto percerbendo o tempo passar.
Bjins
e
Feliz Pascoa
Catiaho Alc.

Reflexo d'Alma disse...

Sou la do blog Espelhando viu?
É que no celular comento por minha,pg principal.
Aguardo vc por la(pelos pos 2)

Reflexo d'Alma disse...

Sou la do blog Espelhando viu?
É que no celular comento por minha,pg principal.
Aguardo vc por la(pelos pos 2)

AMBAR disse...

Gracias Mariazita, por este profundo y reflesivo poema.
A veces nos sentimos así, sin un lugar de expansion para acernos al ser amado.
Que tus días ausentes sean para ti de paz y bienestar.
Abrazos y un buen fin de semana.
Abrazos a Miguel.
Ambar

Daniel Costa disse...

Querida Mariazita
Embora num tom que me parece de certa màgoa, o poema não deixa de ser romântico e bem bonito: bonito de esvoaçar e atingir a corte dos anjos do céu.
TE desejo BOAS FÉRIAS DE PASCOA, em retribuição.
Beijos

Agostinho disse...

Ora viva, Mariazita
O seu poema é um flash da realidade egoísta de muitos. A folha branca, poder-se-á alegar, tem sempre a faculdade de se recolher, de exigir um destino cumum a duas vozes. Com tino. Sabemos que isso nem sempre acontece.
Boa Páscoa.

Luis disse...

Querida Mariazita,
Linda poesia mas que denota uma certa amargura, mas o Destino por vezes trás-nos destas surpresas, não é assim? Votos de uma Santa Páscoa junto dos seus entes queridos.
Beijinhos

✿ chica disse...

Tão lindo teu poema, bem profundamente inspirado! Desejo ótima e feliz Páscoa! bjs, chica

Tais Luso disse...

Muito bonito, tocante, o retrato do cotidiano com seus dissabores, suas esperanças, suas mágoas e esperanças. Verdadeiro como é.
Uma linda Páscoa pra você, Mariazita!
bjs

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá amiga! Belo e profundo o teu poema. Ao lê-lo, lembrei-me de uma baboseira que escrevi, e diz o seguinte: "Para se ter uma vida em comum, necessário se faz que as partes saibam ceder o suficiente, para poderem fazer jus ao suficientemente cedido".

Beijos e uma ótima Páscoa para ti e para os teus.

Furtado

ReltiH disse...

UN DESENLACE TRISTE. PERO UN POEMA MUY HERMOSO.
ABRAZOS

Pedro Coimbra disse...

Beijinhos, votos de uma Santa Páscoa

Jaime Portela disse...

Gostei muito do poema e da forma como o dizes.
Parabéns por este belo momento poético.
Tem um Páscoa Feliz, amiga Mariazita.
Beijo.

Graça Sampaio disse...

Todas as despedidas são tristes!

Boa Páscoa, Mariazita!

Franziska disse...

Muy triste y sentido poema pero también realista, la vida no es siempre bella ni todos los amores cumplen con las expectativas que tenemos.

Espero que disfrutes de tus vacaciones y que no se me olvide agradecerte que a tu retorno pasarás, según has prometido, a saludarme y a comentar en alguno de mis blogs.

Un abrazo. Franziska

Gracita disse...

Querida Mariazita
Toda separação deixa um vazio e uma grande dor
Nunca será fácil seguir o destino sem a companhia de quem a gente ama
Uma feliz e abençoada páscoa
Beijos

Portugalredecouvertes disse...


Espero que a página volte a ter formas e cores do arco-íris, Mariazita !
feliz Páscoa :)
beijinhos
Angela

lis disse...

Oi Mariazita
Além de contos e cronicas tambem poetiza .Que lindo!
Fiquei ausente uma temporada e estou retornando devagar.
Grande abraço,amiga e Feliz Páscoa!

Carla Ceres disse...

Lindo, Mariazita! Adoro quando você declama. Começo a sorrir sempre que chego ao blog e vejo a nuvenzinha do Soundcloud. Mas também me alegro quando percebo que há fotos de viagem, portanto espero que você esteja se afastando para viajar e escrever poemas. :) Beijinhos!

Maria Glória disse...

Olá Mariazita, querida!
Gosto quando leio as tuas postagens, pelo caminho da tua voz. Gosto tanto! E desta vez, um fundinho musicado, tão belo e delicado.
Há tristeza? Talvez, mas separações podem ser o melhor para acontecer, mesmo percebidas algum tempo depois; tempo que conta com um destino já transformado. E, também, pode-se contar com surpresas, que são as cores que irão colorir a folha vazia.
Espero que tu estejas ótima, bela, espargindo o teu charme e elegância, pois é assim que te sinto. E a pele? Ahhhh já sei, viçosa, com tons aperolados de cetim. Sempre bela!
Volte logo, minha amadinha. Estou saudosa.
Desejo-te uma boa páscoa, com serenidade junto aos teus queridos.
Muitos beijinhos a abraços apertadinhos.

Odete Ferreira disse...

Gostei imenso da forma como colocaste em verso e desenvolveste esta mensagem: quando é um a impor a sua vontade, a relação está condenada.
Lembrei-me de Rui Veloso "Não se ama alguém que não ouve a mesma canção", ou seja quando não há diálogo e partilha, não há relação mas sim ralação.
Parabéns pela declamação!
Tudo de bom, amiga, e uma Santa Páscoa.
Bjinhos

Elda disse...

Un poema muy hermoso Mariazita.
Cuantas cosas caben entre líneas y que vacías se quedan cuando alguien se va.
Encantada de leerte.
Un abrazo, y que pases unos buenos días.

Regina Magnabosco disse...

Que linda poesia! E a declamação a tornou ainda mais envolvente.

Amélia disse...

Olá Mariazita!
Gostei muito de ler o maravilhoso poema,gosto da delicadeza como escreve.
Fantástico!!
Desejo uma feliz Páscoa
Bjs

Ivone disse...

Belo e inspirado poema, amei ler amiga Mariazita!
Abraços apertados!

Pedro Luso disse...

Olá Mariazita.
Como não gstar deste teu poema, "Destino", que canta o amor que não se realizou, perdeu-se a esperança, e, na sua solidão, a moça ficou apenas com a folha de papel em branco, sem que o poema fosse escrito. Belíssimo poema. Parabéns.
Desejo-te uma excelente Páscoa.
Um beijo. Pedro

Ana Freire disse...

E a vida... é mesmo uma página em branco, sempre a tempo de preencher...
Por vezes muda o que gostaríamos de escrever nela... mas uma mudança de percurso... implica novas histórias por acontecer... e por vezes tal, revela-se necessário...
Adorei o poema e a declamação!
Deixando um beijinho, e os meus votos de uma doce e feliz Páscoa, na companhia dos seus, Mariazita!
Ana

Labirinto de Emoções disse...

Minha Querida Nina
Não és nem nunca serás uma folha de papel vazia ... pois por onde passas e tocas preenches de amor e carinho tudo à tua volta.
O poema é lindissimo, como todos os que escreves.
Beijos imensos da
Tua
Tareca

Beatriz Bragança disse...

Querida Mariazita
Um belo poema, que demonstra bem que, a autora nunca, jamais, será «uma folha de papel vazia», tal é a inspiração.
Feliz Páscoa.
Um beijinho
Beatriz

Fernanda Maria disse...

Tem razão amiga Mariazita, uma vida partilhada tem que ser escrita a dois, se só um é que a quer escrever não pode dar certo.

Gostei muito de a ouvir a declamar este seu sentido e belo poema, parabéns!

Uma Santa Páscoa para si e toda a sua família.

Beijinho grato
O Toque do coração

Mari-Pi-R disse...

Un destino del que tenemos que ir dejandonos llevar. Bonitas palabras.
Que tengas una Feliz PASCUA

Minhas Pinturas disse...

Gostei muito de seu lindo poema.
Tens razão somos apenas paginas que por força do destino são viradas sem nossa vontade ou comando.
Você tem uma inteligência poética, que adoro ler.
Boa Páscoa, amiga com muitas alegrias e saúde.
beijinhos, Léah

Ana Tapadas disse...

Muita razão neste poema. A dois significa isso mesmo!

Beijinho

Fátima Oliveira disse...

Oi Mariazita, o seu poema me lembrou alguém do meu passado, e quem não teve um amor assim na vida né? Adorei ler.
Grande beijo e uma feliz Páscoa.

LUCONI MARCIA MARIA disse...

Nossa quão bela é tua poesia e retratas a vida de muitos casais onde um se anula para o outro existir APLAUSOS Feliz Pascoa

Lune Fragmentos da noite com flores disse...

Gostei muito de tuas palavras feitas poema. Destino não tem volta...

Não sei se somos páginas. Talvez essência que nem sempre se 're'encontra.

Boa Páscoa, amiga!
Beijinhos

Lilazdavioleta disse...

Óptimo poema !
A realidade está aqui .

Um beijo , Mariazita ,e bom domingo de Páscoa ,
Maria

Kasioles disse...

Esa hoja de papel en la que se va escribiendo la vida, está llena de recuerdos que son los que, tanto a ti, como a mí, nos mantienen con ilusión para seguir caminando.
Disfruta de tu descanso y a la vuelta ya sabes que puedes contar con todos nosotros para recibirte con un fuerte abrazo.
Kasioles

Gracita disse...

Querida Mariazita
Desejo que tenha passado um maravilhoso domingo de páscoa junto aos teus e que o amor do Cristo tenha florescido em vossos corações e este mesmo amor se estenda pelos outros dias do ano para que possas vivenciá-los na paz e na harmonia
Um beijo super carinhoso

Graça Pires disse...

A folha em branco preenchida com todas as emoções... Gostei do poema e de a ouvir dizê-lo.
Uma boa semana.
Beijos.

O Árabe disse...

Espero que não seja muita a demora, Mariazita; fazem-nos falta os teus textos recheados de sentimento e poesia, como este que hoje nos deixas. Verdade, amiga: ainda quando não conseguimos escrever a dois, não somos mais os mesmos, depois de cada capítulo... Boa semana, fica bem!

A Casa Madeira disse...

Gosto da ideia de sermos páginas;
para poder-mos nos reescrever.
Bom feriadão.
Abraços
janicce.

Rosa Carioca disse...

Até à volta!

Maria Glória disse...

Cheguei para uma visitinha. Já sentia saudades, minha querida Mariazita!
Estás bem, bella mia!
Parece-me que segue um feriado até terça-feira, por aí, em Portugal, não?
Desejo bons dias de primavera, floridos e coloridos. Muitos beijinhos e abraços apertadinhos.

Ana Freire disse...

Passando para deixar um beijinho, e votos de um feliz fim de semana!...
Ana

Maria Rodrigues disse...

Simplesmente maravilhoso minha amiga.
Bom domingo
Beijinhos
Maria

AMBAR disse...

Hola Mariazita.
Gracias por tu visita, espero tu descanso haya dejado tu alma llena de paz.
Esa hoja de papel contiene cada pasaje de tu vida.
Un gran abrazo a compartir con Miguel.
Ambar

jfbmurcia disse...

Feliz descanso y felices y bonitos versos. Un abrazo.