terça-feira, 30 de setembro de 2014

MOMENTO DE POESIA - NO DIA EM QUE NASCESTE

FIM DE FÉRIAS – NOVO CICLO

Tal como acontece na vida, em que há sempre um começo e um fim, também as férias terminam, têm o seu fim, e dão começo a um novo ciclo dos nossos dias, que compreendem vários períodos.
Este, o período das férias, geralmente corresponde a um tempo que aproveitamos para espairecer, sair do ambiente em que vivemos o resto do ano, descansar… enfim, quebrar a rotina de todos os dias.
Por agora não vou falar das minha férias. Vou deixar o tema para o próximo post, a publicar no próximo dia 14/11.


Como tenho dedicado o último dia do mês a “Momento de Poesia, convido-vos a partilharem comigo um poema que representa um  novo ciclo o começo de uma vida – que escrevi e dediquei à minha primeira neta pouco depois do seu nascimento.

  NO DIA EM QUE NASCESTE


No dia em que nasceste,
Meu amor,
Eu renasci!
O sol brilhou
 Com nova intensidade.
Nas árvores, cobertas de verdes folhas,
Os pássaros entoaram canções,
Duma outra felicidade.
 
Houve alegria no céu.
Os Anjos todos, reunidos,
Desejaram boa viagem
Ao companheiro que partia
Para habitar o teu corpo,
Que na terra aparecia.
Vieste bem de mansinho
Para o lar que te acolheu.
Trouxeste alegria infinda.
Só podias vir do céu.

Ao ver-te, meu amor, eu murmurei
Mil promessas de carinho,
Que, uma a uma, cumprirei.
Enfeitarei o teu caminho
Com belas flores perfumadas.

Milhares de estrelas
Reluzentes, coloridas,
Colocarei
Em todas as estradas
Que os teus pés irão pisar.
E uma fonte de água cristalina
Se ouvirá cantar
Quando passares.
O ar vais perfumar;
Com as mais lindas cores o vais pintar.
E o céu vai-se alegrar
Com teu cantar.
E quando forças mais já não tiver,
Meu amor,
 Continuarás a ver
Através do meu olhar cansado,
Que apenas para ti estará voltado.

Mariazita




 

Um “Muito obrigada!” a quantos vieram visitar-me na minha ausência.
A todos retribuirei tão depressa quanto a disponibilidade de tempo o permitir.
BEM HAJAM!