domingo, 30 de novembro de 2014

MOMENTO DE POESIA - TUDO O QUE EU QUERIA TER

 TUDO O QUE EU QUERIA TER


TUDO O QUE EU QUERIA TER
Tudo o que sinto por ti
Neste mundo de dor que me associa
É uma sensação indefinida
Sufocada de pranto, noite e dia.
Tu és o meu amor, a própria vida,
A inspiração e a melodia
Que envolve esta minha alma dividida
Entre espasmos de gozo e agonia.
És a minha constante
A bela e pura poesia
A mais doce criatura que os meus olhos podem ver
És pedestal, que ergo, incessante.
És sinfonia para o meu ser, cantante,
Tu és tudo o que eu queria ter.

Mariazita

69 comentários:

  1. Que belo "momento de poesia", amei ler!
    Abraços e tenhas um lindo domingo!

    ResponderEliminar
  2. OI MARIAZITA!
    POEMA INSPIRADO, PASSANDO MUITO SENTIMENTO.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  3. Estimada, Mariazita.

    Eu tinha que voltar.
    Voltar, para aplaudir-te.
    Canta o Coração sempre, o que a alma, baila em alegria.
    Amei demais, a tua poesia.
    Bravo ! Bravo !.
    Bom dia de domingo

    ResponderEliminar
  4. Linda poesia e tua inspiração, o teu querer! Belas fotos! beijos, linda semana e DEZEMBRO! chica

    ResponderEliminar
  5. Olá, Mariazita!

    Está lindamente construído este poema dedicado a amor ausente: declaração de sentimento de perda envolto em saudade e ternura, numa confissão comovente.
    Parabéns!

    E já agora, aqui deixo os votos dum bom resto de Domingo; de preferência com um solzinho amigo para alegrar o dia.

    Beijinhos amigos
    Vitor

    ResponderEliminar
  6. Um belo poema. Um sentimento de amor e saudade. Um abraço e bom Domingo.

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde Mariazita,
    Belo poema de amor. Do amor que se queria, que se adoraria ter e viver. Divino.
    bj amg e bom domingo

    ResponderEliminar
  8. Mariazita: Um dos mais belos poemas de amor. Um amor verdadeiro e que se adoraria viver. Bom domingo com tudo de bom.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderEliminar
  9. Querida Mariazita

    Neste momento de poesia que tu nos ofereces, saboreamos o canto do amor vivo, numa declaração incondicional de entrega. Tudo o que se quer ser está no ser amado, e é ele que consubstancia a essência da vida.

    Gostei muito, minha amiga, e penso que estes momentos deveriam repetir-se mais vezes. :)

    Desejo-te um bom resto de Domingo.

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  10. Ninocas Minha
    Foi e é tudo o que quiseste...
    O pedestal continua erguido na tua lembrança, como uma sinfonia inacabada, que nas noites te embala...
    O Amor não termina nunca com a "ultima viagem" quando ele foi imenso como o teu, vai permanecer para todo o sempre!
    Felizes são, quem pode dizer, como tu o dizes..."Foste tudo o que eu queria ter"!
    Um imenso beijinho cheio de carinho
    Tua
    Tareca

    ResponderEliminar
  11. Nina minha
    Tudo o que eu queria ter!
    Tudo o que qualquer pessoa pode querer… é ser alvo dum amor tão profundo como o que escorre das tuas palavras neste poema sublime.
    Mais do que colocar o ser amado num pedestal tu fazes dele o próprio pedestal. Maior aspiração não pode haver…
    Confesso que fiquei emocionado.
    Para mim, este poema é pura magia!
    Costumo escrever muito, eu sei… mas não me atrevo a acrescentar mais nada.

    Desejo-te uma noite de estrelas.
    Um beijo muito grande.
    Teu

    ResponderEliminar
  12. O objeto do nosso amor incondicional e belo é tudo que, realmente, pede o coração. Versos sentidos e profundos, nas emoções que traduzem. Bjs.

    ResponderEliminar
  13. Uma bela carta de amor, Mariazita! (E não é ridícula...)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. O Amor persiste intenso e vivo. Essa a melhor imagem que podes preservar. As Memórias são o alimento que nos tem.
    Precioso Poema.

    Beijos


    SOL

    ResponderEliminar
  15. Olá Mariazita.
    Fiquei emocionada ao ler este lindissimo poema!
    Parabéns!
    Bjs

    ResponderEliminar
  16. Oi Mariazita!
    Que belo poema!
    Que talentosa poetiza você é!
    Gostei muito de ter vindo até seus domínios e voltarei sempre à essa fonte cristalina, que alimenta com lindas frases de amor, nossa alma sedenta!
    Um beijão e boa semana!

    VitorNani/Hang Gliding Paradise

    ResponderEliminar
  17. Bela, Mariazita! Bem espelha o que é o amor! Boa semana.

    ResponderEliminar
  18. Linda carta de amor em linhas poéticas.

    Bjs

    ResponderEliminar
  19. Inspiración que contagia, poesía del corazón!
    Bellísimo post, te deseo una hermosa semana.
    Besos muchos!

    ResponderEliminar
  20. Olá minha querida amiga, que bom também que j´+a regreçou ao trabalho, amiga fiquei feliz por ter gostado do poema, mas não leve a mal eu só sei escrever partes de mim o passado me acompanha faz parte das raízes que eu um quero levar.
    Tenha uma linda semana, cheia de amor e carinho de todos a quem ama, beijinhos de luz emuita paz.

    ResponderEliminar
  21. Amiga desculpes as falhas, isto já faz parte do adiantado da hora...

    ResponderEliminar
  22. Li que alguém uma vez disse " saudade é o amor que fica " e gostei muito da frase. Quando ele é vivido intensamente, nunca morre, mas fica eterno numa saudade triste mas reconfortante.Uma ou outra lágrima cai e a alma fica lavada e com ânimo para mais um dia. Tens muito jeito para poesia, amiga. É sempre muito bom ler-te. Um beijinho e obrigada por este momento de emoção
    Emília

    ResponderEliminar
  23. Há tanta coisa que queríamos ter. Muitas não passam de sonhos.

    Felicidades
    MANUEL

    ResponderEliminar
  24. Oi Mariazita!

    Belo os versos profundo. Uma carta de amor. Gostei imenso.
    A foto tá maravilhosa. Esse verde ta divino.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  25. Olá Mariazita!
    Um belo poema.
    Pode ter-se tanta coisa, mas tantas vezes não se tem já o que se quereria ter. Mas os grandes amores não morrem. ficam para sempre nesse misto de gozo e agonia, nessa mansa suavidade contrastes da alegria que foi e da tristeza de já não ser.
    Muito bonito. E as fotos estão muito bonitas também.
    xx

    ResponderEliminar
  26. Querida amiga Mariazita

    Apresentas mais um lindo poema, paradigma de sentimentos nobres, que sabes manter até em exemplares poemas. Este é também como uma oração, que muito aprecio como tive o ensejo de apreciar o "deus" a quem se dirige.
    Reporto-me, para te dizer sentir certa pena de, em vez de Cordeiro, ser Foz de apelido, como foi o meu avô Miguel Cordeiro Foz, que foi pescador sazonal no Paimogo. Perto, já no concelho de Peniche, o meu bisavó Foz (porque veio da Figueira da Foz) construiu a primeira casa abarracada, dando nome ao Casal do Foz, hoje uma boa estância de veraneio do mesmo nome.

    Beijos

    ResponderEliminar
  27. Olá, como está?
    O seu poema é muito criterioso e está muito bem escrito!
    Bem interessante!

    Beijinho para si!

    ResponderEliminar
  28. Olá, Mariazita.
    Feliz deve ser o merecedor de tão belas palavras.
    Lindo poema!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  29. Querida amiga Mariazita, tudo bem contigo?
    Lindo poema de amor!
    Quantas coisas ficam guardadas em nosso coração junto com o desejo de ter, mas o que vale são os momentos de um grande amor vivido que ficaram gravados em todo nosso ser...
    Parabéns pela escrita maravilhosa!
    Deixo beijos com muito carinho
    Marilene

    ResponderEliminar
  30. Tenho sempre muita dificuldade em comentar poemas. A culpa é minha, bem o sei. E quando o poema é muito pessoal como este, a dificuldade aumenta. Sou mais do tipo de brincar, mas ensinaram-me que não se brinca com coisas sérias e com os sentimentos.
    Portanto, um bjo.

    ResponderEliminar
  31. Há um verbo de desejo "queria" e, só por si, já é sinal de ação ou intenção. Se vai ser concretizado ou não, dependerá da pulsão interior. Nos entretantos, ou seja, no desenvolvimento estrófico, percebe-se que há um alguém que se quer sempre ao lado, como suporte de estados antagónicos (tristeza/alegria).
    E é tão bom ter este suporte!
    Gostei imenso, Mariazita!
    Meu bjo :)

    ResponderEliminar
  32. Mariazita , cá em casa as coisas não andaram bem, a nível de saúde , daí , quase todo o ânimo ter sofrido um abalo .
    Neste momento , as forças estão a querer voltar , felizmente .

    Quanto ao lindo e sentido poema . . . um grande e apertado abraço .

    Um bom fim de semana ,
    Maria

    ResponderEliminar
  33. Oi, Mariazita.
    Você sempre me encanta com suas palavras.

    Um forte abraço.

    ResponderEliminar
  34. sem dúvida Quando se oferece um lírio a uma pessoa da mesma região terrestre se chama amizade paixão eu sei lá que mais nome terá ...
    quando se sofre de lírios se chama com razão poesia e onírico ao que escreve como se fosse uma religião dos sábios, que estes o são, sem dúvida


    Quando uma pessoa sofre de um pequeno delírio apenas, isso se chama insanidade.

    (abraço e obrigado pelo lírio)

    ResponderEliminar
  35. Olá Mariazita! Passando para agradecer a tua visita e teu amável comentário, bem como apreciar mais um dos teus belos poemas, com ênfase para a estrofe abaixo:

    Tu és o meu amor, a própria vida,
    A inspiração e a melodia
    Que envolve esta minha alma dividida
    Entre espasmos de gozo e agonia.

    Beijos e um ótimo final de semana para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderEliminar
  36. Olá Mariazita,
    bom dia,
    uma maravilhosa poesia,
    a rima é perfeita em todos os sentidos, sinseramente magnífico!
    Vc fez um grande trabalho

    Desejo-lhe um belo fim de semana
    um beijo e um abraço gigante

    Perdoe meu Português =)

    ResponderEliminar
  37. Neninha, adorável poema este!

    E as fotos estão muito bem.

    Querida, que tenhas um óptimo fim de semana é o voto que te envio num enorme e longo abraço :)

    ResponderEliminar
  38. Olá,Mariazita!

    Com o céu azul e o sol quentinho, o fim de semana promete.Que seja feliz o teu!

    Beijinhos amigos
    Vitor

    ResponderEliminar
  39. Oi Mariazita
    Uma verdeira ode ao amor. Feliz de quem é merecedor de tão nobre sentimento.
    Um maravilhoso final de semana
    Beijos

    ResponderEliminar
  40. Mariazita!
    Que saudade dessa casa!
    Obrigada pelas visitas e pela paciência!
    Estou ultrapassando (assim espero) uma fase difícil em termos de saúde. E como sou birrenta e teimosa, inventei umas reformas aqui em casa mesmo assim. A vida não espera, por isso não vou ficar de braços cruzados. Mas é complicado. A minha casa está uma zorra. Em breve postarei fotos da bagunça no blog Mundo de Valentina.
    Lindo texto e muito emocionante. Ainda mais nessa época em que paramos para refletir.
    "Um momento doce e cheio de significado para as nossas vidas. É tempo de repensar valores, de ponderar sobre a vida e tudo que a cerca. É momento de deixar nascer essa criança pura, inocente e cheia de esperança que mora dentro de nossos corações. É sempre tempo de contemplar aquele menino pobre, que nasceu numa manjedoura, para nos fazer entender que o ser humano vale por aquilo que é e faz, e nunca por aquilo que possui.

    Noite cristã, onde a alegria invade nossos corações trazendo a paz e a harmonia.

    O Natal é um dia festivo e espero que o seu olhar possa estar voltado para uma festa maior, a festa do nascimento de Cristo dentro de seu coração. Que neste Natal você e sua família sintam mais forte ainda o significado da palavra amor, que traga raios de luz que iluminem o seu caminho e transformem o seu coração a cada dia, fazendo que você viva sempre com muita felicidade.

    Também é tempo de refazer planos, reconsiderar os equívocos e retomar o caminho para uma vida cada vez mais feliz. Teremos outras 365 novas oportunidades de dizer à vida, que de fato queremos ser plenamente felizes. Que queremos viver cada dia, cada hora e cada minuto em sua plenitude, como se fosse o último. Que queremos renovação e buscaremos os grandes milagres da vida a cada instante.

    Todo Ano Novo é hora de renascer, de florescer, de viver de novo. Aproveite este ano que está chegando para realizar todos os seus sonhos!"
    Boas e Lindas Festas, amiga amada!!!
    Muitas beijocas!

    ResponderEliminar
  41. Um sentimento escrito e relembrado constantemente.
    Bj

    ResponderEliminar
  42. Querida Mariazita
    As fotografias estão muito bonitas! Folgo em vê-la assim tão bem!
    O seu poema está eivado de amor e saudade! Como eu a entendo!!!
    Desejo que se sinta sempre muito feliz.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  43. A nossa alma, muitas vezes, divide-se entre o prazer e a dor.
    Porque não há coisas (e muito menos pessoas) perfeitas.
    Excelente poema, gostei imenso.
    Tem uma boa semana, querida amiga Mariazita.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  44. Amazing post!
    Maybe we can follow to each other? Let me know :)

    www.anetesdomas.blogspot.com

    ResponderEliminar
  45. Boa semana, amiga; aguardo o próximo post.

    ResponderEliminar
  46. Oi Mariazita
    Que lindo amei, "Quem tem fé e esperança
    a felicidade logo alcança.
    Segue a vida fazendo o bem,
    não importa para quem.
    Deixe para lá a ingratidão,
    coloque perdão no coração.
    um começo de semana abençoado
    Ana

    ResponderEliminar
  47. Thank you for comment in my blog♥
    You have a great blog♥
    I follow too♥ Waiting you♥
    http://juliemcqueen.blogspot.com

    ResponderEliminar
  48. Nina minha
    Entre nós não fazem sentido visitas de circunstância...
    Portanto, não encares a minha vinda aqui hoje como um agradecimento ao teu comentário no «DEUSA». Seria ridículo, simplesmente.
    Acontece que senti mais saudades do que é habitual, e o vir aqui, até certo ponto, conforta-me.
    Voltei a deliciar-me com este poema que considero excepcional.
    E as fotos... estão lindas! TU estás linda! E foram muito bem escolhidas - com esse teu ar, ligeiramente alheado do mundo... parece que pensas no que escreveste.
    Perfeita sintonia - o poema e tu.

    Deixo-te por agora, com um grande beijo e TODO o meu carinho.
    Teu
    ❤ ღiguel

    ResponderEliminar
  49. Mariazita, que lindo derramar de sentimento, intenso, singelo, puro... Realmente pura poesia, um pedestral erguido, uma linda sinfonia... Beijos.

    ResponderEliminar
  50. Pronto, aqui estou eu na "Casa da Mariquinhas"! e vejo que muitos são amigos os amigos que ela alberga. "Tudo o que eu queria ter" é uma declaração fantástica. de dedicação e amor.
    Parabéns.

    ResponderEliminar
  51. E assim, num mundo de ternura, se canta o amor.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  52. Oi, Mariazita! Voltei bem na hora da poesia. Sorte minha! Neste momento difícil pelo qual estou passando, não pude deixar de me emocionar com os seus versos. Bem, pra dizer a verdade, eu me emocionaria em qualquer momento, porque o poema é lindo, mas, agora, ele está em harmonia com boa parte de meus sentimentos. Parabéns!

    ResponderEliminar
  53. Minha querida Nina
    Já por diversas vezes vim ler este extraordinário poema, mas tive sempre que "abandonar" o local sem deixar rasto... :)
    Espero que desta vez não me venham chamar à pressa para ir acudir a qualquer coisa :)))
    O que penso do teu poema? O mesmo que penso de todos os outros, mas com uma variante - este é muito mais intenso! É simplesmente maravilhoso.
    Consegues exprimir sentimentos com uma clareza que não é muito vulgar em poemas.
    Tu sabes o que eu penso - ao escrever em prosa, com mais palavras ou menos palavras... tu dizes tudo o que sentes. Com a poesia é muito mais difícil!
    Gostei muito, adorei mesmo!

    Fico-me por aqui; voltarei dentro de dois ou três dias...

    Um abraço muito apertado, e beijos com o maior carinho (as minhas mulheres mandam beijos, também)
    Teu
    Carlos (Botinhas)

    ResponderEliminar
  54. Depois de um longo afastamento estou tentando de alguma forma
    visitar minhas lindas amizades.
    Logo chegará o Natal é justo estar entre as
    amizades que esteve comigo no decorrer desse ano.
    Levando meu eterno agradecimento
    a única palavra para traduzir
    tudo que estou sentindo nesse momento.
    Sua amizade é muito importante para mim
    um presente grandioso de Deus.
    Um feliz final de semana beijos.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  55. Te deseo un hermoso fin de semana, besos!
    ....*☆.¸.☆*'
    ....*☆.@@☆*'
    .*☆.@@@@☆*'
    ....@@@@@@
    ...☆*@@@@`*☆.¸¸
    .......\\\||///
    .........\\||//
    ..........ƸӜƷ
    ...........\|/..♥
    ...........V.....

    ResponderEliminar
  56. Amiga Mariazita,

    Desejamos que passes um Natal muito feliz com muita saúde, amor e paz e que o ano de 2015 te traga muita felicidade e transforme os teus sonhos em realidade.

    Seguindo a máxima “Ano Novo, Vida Nova”, informamos que o Farol vai sofrer algumas mudanças já a partir do próximo mês de Janeiro. Assim, aproveitamos para te convidar a participar no desafio com o qual em 2015 iniciaremos essa mudança.

    Beijinhos e abraços dos amigos,

    Argos, Tétis e Poseidón

    ResponderEliminar
  57. Hoje vim deixar meu abraço pelo ano
    todo que vc esteve comigo, agradeço seu carinho
    vou sair de férias e volto em janeiro com meus posts
    favoritos, espero que nossa amizade permaneça em 2015
    Desejo um feliz Natal e um novo ano cheio de muita Paz

    Aqui minha gratidão por tudo

    └──●► *Rita!!

    ResponderEliminar
  58. Minha querida
    Fomos as três ao cinema e agora estamos aqui em casa a tomar o nosso chazinho e a sentir a tua falta... -:(((
    Este post está prestes a perder a validade... -:), por isso resolvemos vir todas, uma de cada vez, claro, dar a nossa "sentença".
    E para não te darmos muito trabalho a ler, combinámos escrever só o essencial - o resto diz-se por telefone -:)))
    A minha opinião é:
    Poema belo por excelência!
    E mais não digo.
    Beijos aos milhares - quantos milhares tu decides...
    Tua

    ResponderEliminar
  59. Boa noite, queridinha
    Aqui estão as palradoras falando de ti... e a recordar os velhos tempos.
    Não vou demorar-me, ma sobretudo demorar-te a ti...
    Deixa-me dizer-te apenas - ADOREI o teu poema. Tem tanto de ti que impressiona.
    E pronto, vou dar o lugar à Mena - a parva da Zé só tem um computador, vê lá tu!!!
    Até muito breve minha querida Ninita.
    Beijinhos, muitos, muitos.
    Tua
    Ana

    ResponderEliminar
  60. Boa noite, Nina querida
    Finalmente chegou a minha vez.
    Vê lá tu que elas quiseram tirar à sorte para ver a quem calhava falar contigo em primeiro lugar!!! São completamente doidas! E eu que as ature. Só te digo, estou desejando que regresses ao nosso convívio, porque só tu consegues impor alguma autoridade.
    Não imaginas quantas vezes eu digo: se a Nina aqui estivesse vocês não faziam essas fitas!
    Mas... é o nosso destino, aturarmo-nos umas às outras :))))))))))))))
    Deixemo-nos de conversas de chacha... e falemos do teu poema que, tenho que confessar, já li diversas vezes, de tal modo gosto dele.
    É, simplesmente, maravilhoso!
    Não vale a pena adiantar mais nada, porque tudo o que se diga é supérfluo.
    Que tenhas uma noite muito boa - sei que tens aí o Mário e o Gui, portanto estás bem acompanhada...
    Repara no tamanhão do beijo que te deixo!!! É TODO para ti... :)
    Tua
    Mena

    ResponderEliminar
  61. Bonito e sentido, pleno de amor, essa força que só quem ama pode sentir.
    Cada verso um sopro de vida.
    Cada estrofa uma prova de fortes sentimentos.
    Excelente!!!
    Besos, querida amiga

    ResponderEliminar
  62. Oi Mariazita!
    Que lindo os seus versos, me encantei com esse sentimento de querer ter esse alguém, adorei!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  63. great post, cute outfit
    great blog girl, very interesting. check out my blog too.
    maybe we can inspire eachother? or maybe follow, I always follow back :)

    www.angelaah91.blogspot.nl

    ResponderEliminar
  64. Que bela história de Natal, muito mais bonita porque contada na primeira pessoa.
    Que gratificante é partilhar recordações, vivências, afectos.

    Um Santo Natal.
    Beijinho.

    ResponderEliminar

A SI, QUE VEIO VISITAR-ME, UM GRANDE
BEM HAJA!

BEIJINHOS
MARIAZITA