segunda-feira, 14 de julho de 2014

VAMOS FALAR DE AMOR

VAMOS FALAR DE AMOR
 
 
Parece que, finalmente, chegou o bom tempo!
A temperatura amena não amolece só a manteiga, mas também os corações.
Talvez por isso, hoje apetece-me falar de amor.
Amor, esse sentimento que muitos apelidam de “o mais nobre sentimento”.
Concordo! Tudo o que o ser humano sente e realiza de bom, tem, por base, o amor.
 
Analisando esse “sentimento maior” verificamos que muito tem sido dito, falado e escrito, ao longo dos tempos.
De Tristão e Isolda a Romeu e Julieta, de Abelardo e Heloísa a Cleópatra e Marco António, sempre os grandes amores inspiraram escritores, poetas, dramaturgos.
Platão debruçou-se sobre o tema, e das suas conclusões nasceu, supostamente, o “amor platónico”. Camões classificou-o como «fogo que arde sem se ver».
Camilo Castelo Branco disse, do amor: «é uma luz que não deixa escurecer a vida».
 
Também as belas vozes se ergueram inúmeras vezes para cantar o amor.
O saudoso e grande tenor português Tomaz Alcaide exaltou-o com a canção «O amor é cego», de que, infelizmente, não há registo disponível.
Mais recentemente, o também saudoso fadista Carlos Ramos, cantava, como só ele sabia «O amor é louco».
 
Não caberia num “Tratado” tudo o que se pode dizer acerca do Amor; muito menos no post dum blogue.
Qualquer das citações atrás referidas merecia, em meu entender, um maior desenvolvimento.
Hoje, aqui, não é possível fazê-lo. Mas como é um tema que me agrada muito, pensarei em criar um “Ciclo do Amor”.
 
O amor, apesar de ser um sentimento tão nobre, não está isento de egoísmo, de exigências ao ser amado.
Veja a importância de fazer amor:
Sabia que, pela pele, podemos determinar se uma pessoa é sexualmente activa ou não?
 
FAZER AMOR É UM TRATAMENTO DE BELEZA - Testes científicos demonstraram que as mulheres, quando têm relações sexuais, produzem um grande número de hormónio Estrogénio. Esse hormónio torna os cabelos brilhantes e a pele macia.
 
LENTAMENTE, AS RELAÇÕES SEXUAIS REDUZEM A HIPÓTESE DE SE SOFRER DE DERMATITES, COCEIRAS E IMPERFEIÇÕES CUTÂNEAS – A transpiração limpa os poros e torna a pele resplandecente.
 
FAZER AMOR FAZ QUEIMAR TODAS AS CALORIAS GANHAS DURANTE O JANTAR ROMÂNTICO - Fazer amor é um dos desportos mais seguros que você pode praticar. Alonga e tonifica todos os músculos do corpo. E é muito mais agradável do que nadar 20 piscinas.
 
FAZER AMOR É UMA CURA INSTANTÂNEA PARA PEQUENAS DEPRESSÕES – Faz circular endorfinas no sistema sanguíneo produzindo uma sensação de euforia, e deixa uma grande sensação de bem estar. Quanto mais amor fizer, mais vai pedir. O corpo sexualmente activo elimina um grande número de toxinas chamadas ferormónios. Esse perfume sexual deixa o seu parceiro completamente maluco.
 
FAZER AMOR É O MAIS SEGURO DOS TRANQUILIZANTES DO MUNDO! É 10 VEZES MAIS EFICAZ DO QUE O VALIUM - Beijar todos os dias evita ir ao dentista. Beijar aumenta a quantidade de saliva que lubrifica a boca, reduz a taxa do ácido que provoca a cárie, e previne a produção da placa dentária.
 
FAZER AMOR ALIVIA AS DORES DE CABEÇA - A relação sexual pode reduzir a tensão dos vasos sanguíneos do cérebro.
 
FAZER AMOR PODE DESENTUPIR O NARIZ - É um natural anti-histamínico. Combate a asma e a sinusite.
 
FAÇA AMOR!  É MUITO GOSTOSO E BOM PARA A SAÚDE!

88 comentários:

ReltiH disse...

SI MI AMIGA, HACER EL AMOR, ES UNA DE LAS FACETAS MÁS HERMOSAS DEL AMOR.
UN ABRAZO

Maria Eu disse...

O amor, se correspondido, só pode mesmo fazer bem!

Beijinhos Marianos, Mariazita! :)

Maria Emilia Moreira disse...

Olá Mariazita!
Achei imensa graça a essa do fazer amor pode desentupir o nariz!
Acredito que um amor correspondido é o melhor do mudo e é bom para à saúde!
Um grande abraço.

Labirinto de Emoções disse...

Querida Ninocas

Tu arranjas-me cada 31…!!!!!!!!
Sendo este blogue, um blogue “seríssimo” lol …. Como é que eu o comento sem apimentar a coisa… sendo eu uma pestinha como tu já sabes!

Fazer Amor “desentope o nariz??” eu acho que as vezes provoca uma certa falta de ar… mas adiante..:-))))

Fazer 20 piscinas para compensar… olha que “cansêra” tão inglória, além de que não tenciono concorrer às olimpíadas…

Fazer Amor, reduz a pressão arterial e aumenta a imunidade, a Imunoglobulina A combate a gripe, com a frequência do sexo…Lá vai o Losartan, a Cecrisina, e Ilvico, deixarem de se vender (ainda recebes um abaixo assinado das farmácias contra o teu post..ahahah)

Se tu me dizes que fazer amor vence a dor… porque diabo tenho enxaquecas??? (há aqui qualquer coisa que não está a correr bem… ahahahahah)

E tu sabes que fazer amor 3 vezes por semana, durante 15 minutos, queima 7.500 calorias num ano, ou seja o equivalente a correr 120kms?? E esta hem! As coisas que tu sabes e que eu sei..:-)))))) (abaixo as dietas...e as passadeiras…ahahah)

Olha querida o post está giríssimo, e se há pessoas que podem falar sobre o Amor, o verdadeiro Amor, tu serás certamente uma referência, basta olhar para a fotografia que colocaste e outras que eu conheço..:-)))

Claro que no Amor há sempre um certo egoísmo, algum ciúme, mas nada que não se ultrapasse com cumplicidade e honestidade.

Portanto, nada melhor que fazer Amor com Amor..:-))))

E depois de ler e escrever tantos ensinamentos… e como fazer amor induz o sono…………Vou tomar um comprimido para dormir…ahahahah

Paletes de beijocas para ti
Tua Tareca

Nelma Ladeira disse...

Nossa Mariazita! Eu sempre soube que fazer amor é muito bom!
Mas é muito mais que isso!
Adorei maravilhoso texto!
Beijinhos.

Pedro Coimbra disse...

Como negar?
Make love and be loved
Boa semana!

Daniel Costa disse...

Querida amiga Mariazita
Achei muito interessante o modo de seriedade com nesta prosa, diria poética, abordas os benefícios do amor. Sem peias, porque o amor pode e deve sempre ser tratado com seriedade, aqui alguns amores da humanidade conhecidos, outros foram tratados, não se sabendo consequências,
Outros mais, podem servir de exemplo. O de Portugal mais famoso é o de Pedro e Inês,
Para cantar o amor, penso qua a maior referência deve recair em Tony de Matos.
Cá se espera a abertura do ciclo do amor, tratado como coisa séria, de ti agrada, não se esperar outra coisa,
"O AMOR É CEGO, NÃO SE VE, NÃO SEI PORQUÊ" (?).
Beijos de amizade

✿ chica disse...

Fofo maravilhosa e lindo texto, verdadeiro do início ao fim! o AMOR faz muito bem sempre! Vamos amar e muito! bjs, chica e linda semana!

M D Roque disse...

Falaste belissimamente do amor, querida ! Lindo!
O Amor é sempre inspirador, e eu , com a maldita sinusite que mal me deixa inspirar, vou passar a por em prática os teus conselhos mais assiduamente.:):):)
Beijões aos milhões. D

http://acontarvindodoceu.blogspot.pt

Regina Magnabosco disse...

Puxa vida, Mariazita! Vamos amar! Benefícios ao corpo e à alma.

SOL da Esteva disse...

Uma bela esplanação do que é o Amor.
O Amor é tudo.
Apenas discordo do Amor que é "feito"; por mim, fazer Amor tem conotação (únicamente) sexual.
O Amor não se faz. Acontece. Daí procede com a naturalidade e carinho que dele descende.



Beijos


SOL

Bell disse...

Amar é bom demais, deixa a gente até mais bonita rs....

bjokas =)

Minha vida de campo disse...

Olá, um belo assunto, adorei seu blog, devemos falar de coisas boas para atrair mais coisas boas. E o amor é o que faz a vida valer a pena.
Tenha um ótimo dia.
Anajá

Vitor Chuva disse...

Olá, Marizita!

Hoje deu-te p`ra aqui… Mistura de tema sério com pitada de brejeirice - com a tese muito bem defendida. E se porventura ainda havia alguém que não soubesse que amor é mezinha caseira sem contra-indicações conhecidas, panaceia para todos os males, hoje ficou a sabê-lo…A natureza, que (quase) tudo faz bem feito, no assunto deve ter pensado maduramente quando cuidou de garantir a continuação das espécies,e não será por acaso que o acto de fazer amor é coisa bem agradável, certamente um dos maiores prazer da vida.Daí não ser de admirar que, como tu bem dizes, ele saiba tão bem e faça bem a tudo…

Está um delícia o texto, para além de muito bem escrito.

Beijinhos amigos
Vitor

Willy. disse...

ALL YOU NEED IS "...."
Greetings from Belgica

O Árabe disse...

Muito bem dito, Mariazita! O Amor é bom para tudo, e tudo de bom! Excelente texto, amiga; boa semana.

✿MIUÍKA✿ disse...

Olha amiga, foi pena eu não saber estas coisas mais cedo, tinha poupado muito dinheiro na farmácia rsrsrs, querem ver que queres tirar o serviço aos médicos, nem era mal pensado, pois com a falta que há agora de médicos, se calhar até dava jeito...
Gostei amiga, fora de brincadeiras...
Um grande beijinhos.
Miuíka

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Mariazita! O amor é um dos maiores fomentos da nossa existência. Adorei o texto! Lindo e verdadeiro.

Beijos e uma ótima semana para ti e para os teus.

Furtado.

Carla Ceres disse...

Oi, Mariazita! Achei ótima a ideia de criar um "Ciclo do Amor". Pra mim, Camões venceu o campeonato das definições e é imbatível. No campo das novidades, o troféu vai pra informação de que fazer amor combate a sinusite. Quem diria? Parabéns pela alegria contagiante da foto! Beijos!

Cecília Romeu disse...

Querida amiga Mariazita!
Tudo bem com você?
Finalmente, consegui vir aqui com mais calma, a tranquilidade, o momento certo que esperei, mas agora estou aqui.

Bela postagem e ótima dica!
Penso que quando nos doamos com amor, amor recebemos em troca. E essa troca natural que passa pela pele, fluídos, etc. é divina e consequência natural.

Grande beijo e espero que esteja tudo bem!
Ótimos dias!

Cecília Romeu disse...

Vou ler a Poesia anterior com todo o gosto, Mariazita!

Lilá(s) disse...

Ok, muito bem, com tanto beneficio não há que hesitar!
Bjs

Elvira Carvalho disse...

Gostei do texto. Fazer amor é dos poucos prazeres que o governo nem a troika, nos cortaram.
Um abraço e uma boa semana

Manuel Luis disse...

Resumindo a partir do teu fantástico texto associado aos excelentes comentários, fazer amor faz os médicos irem a falência!
... mas pode acontecer com doçura e esperança; uma palavra, muda ou articula, e acontece o amor; na verdade; uma bebida; de manhã, de tarde, de noite; na floração excessiva da primavera; no abuso do verão; no castanho dourado do outono; no conforto do inverno; em todos os lugares o amor acontece; a qualquer hora o amor acontece...
Recordei-me agora daquele texto que escrevi.
Sabe bem ler-te e aceitar os momentos.
Um abraço aos comentadores e bj para ti.

PM disse...

O post, é uma verdadeira receita médica para curar várias maleitas e com um único medicamento. Assim, um sujeito está numa pior, com uma depressão dos diabos, com uma coceira insuportável nos dedos dos pés, daquelas que obriga a descalçar o sapato de 5 em 5 minutos para se coçar, com uma dor de cabeça de pôs os cabelos em pé, com um imenso peso no estômago dumas tripas à moda do Porto que comeu com a amada, com o nariz completamente entupido e a maldita sinusite que não o larga e quando tudo levava a crer que ia acabar mal, ele assobia, chama “oh Maria anda cá” (nuns casos Maria, noutros Isolda, noutros Inês, noutros Julieta, ou ainda Manel, Tristão, Pedro, Romeu). Ela/ele vem e traz o remédio. A “dose” fica à vontade do “freguês” e de acordo com as incompatibilidades que possa ter. Blábláblá pardais ao ninho, isso assim está muito bem, por aí é que é o caminho e daí a pouco (ou daí a muito conforme o grau da “doença”) está curado, contente e feliz e a desejar que lhe venham mais maleitas.
Haverá tratamentos de uma simples e pequena dose, de doses várias e em certos casos de tratamentos continuados…
E como se chama essa maravilha de medicamento? “Fare l’amore” – diz a ilustre bloguista, na sua magistral lição sobre a matéria.
Eu concordo em absoluto (e mesmo em relativo), sou mesmo testemunha de que me curei assim uma sinusite e sei quem tratou uma violenta dor de dentes dessa maneira, ainda que com uma óbvia variante.
Porém, na “bula do medicamento” vêm uma série de contra-indicações que convém ter em atenção.
Vou tentar ser conciso. O Pedro e a Inês tomaram a sua dose, e a pobre pequena levou umas facadas à má fila e esticou o pernil (o direito, ao que dizem). O Romeu e a Julieta, tantas “pastilhas” tomaram que ele acabou envenenado e ela esfaqueou-se toda, coitadinha. O pobre do Abelardo pediu uma dose mais forte à Heloisa e vem de lá o tio dela e castrou-o, ficando assim impedido de tomar mais doses…
A Cleópatra tanto fez e fez fazer que veio de lá uma víbora (seria a que tentou o Adão no paraíso e lhe deu a provar o “remédio” pela 1ª vez?) que lá ficou toda esticadinha para nunca mais desentupir o nariz ao Marco António. Já com o Tristão a coisa também não correu bem. O Marcos pediu-lhe para ir buscar a Isolda para lhe desentupir o nariz (a ele, Marcos) e pelo caminho ela desentupiu foi o nariz do Tristão, que em troca também a desentupiu a ela. A verdade é que depois de várias peripécias o desentupidor e a desentupida também se foram desta para melhor.
E porquê? Porque não leram a “bula do medicamento” e não prestaram atenção aos impedimentos.
Isto só para me cingir aos exemplos que a autora refere. Portanto recomendo que leiam a “bula” com atenção e só se não houver contra-indicações é que se deve tomar o “medicamento”. Tomar e retomar e abusar. Ficarão com a pele linda e brilhante e dos olhos nem falo.
Finalizando: um post de belo efeito, bem “trabalhado” pela autora que andou ali na corda bamba entre o sério e o maroto e eu aproveitei o comentário para descarrilar…

Bjo. (mas que não faz parte de nenhum tratamento) 

EU disse...

Por falta de tempo, não vinha aqui há uns dias. Fiquei com um sorriso a bailar...
Grande Mariazita. Todos os temas são importantes pois são da vida e esta tem de ser vivida sem tabus.
Apesar de conhecer a maior parte das "receitas", nunca é demais divulgar... Algumas delas não conhecia...
Bjo, amiga :) :)

Graça Pereira disse...

Sem dúvida o amor é importante nas nossas vidas e na nossa saúde a aparência. As mulheres que têm uma noite de amor, no dia seguinte desfazem-se em sorrisos e simpatia e...há um brilhozinho nos olhos.
Beijo e uma boa semana.
Graça

helia disse...

Os benefícios que " Fazer Amor" traz !!!
Um texto muito bem escrito !

Miguel disse...

Nina minha
Fizemos agora um intervalo para descansar e almoçar, que isto de andar de um lado para o outro, ainda que sirva de passeio além do trabalho, também cansa.
Estou sentado à mesa dum restaurante típico, num espaço ao ar livre, arborizado, muito fresco, respirando um ar puríssimo, perfumado (não digo mais nada porque já sei que vais suspirar e pensar – quem me dera lá estar! MAS SÓ NÃO ESTÁS PORQUE NÃO QUERES…)
Trouxe para aqui o portátil e, enquanto espero, o que não vai ser pouco tempo (nestes restaurantes “fora da civilização” o tempo não existe, vive-se no paraíso) aproveitei para ver o teu post – não me esqueci que publicas (também) nos dias 14, mas ontem não tive hipótese de aparecer.
A primeira coisa que “salta aos olhos” é a fotografia, EXCELENTE, que escolheste. Ela é a melhor expressão de Amor que nos podias mostrar (sabes como gosto desta foto…)
Nela o Amor está no ar, sente-se como algo físico que nos toca. Faz renascer em nós o desejo de amar.
Sobre o texto… que te hei-de dizer? Depois de uma introdução séria, relembrando amores famosos, “atiras-nos” (literalmente) para a brejeirice dos efeitos do acto de fazer amor.
Dás-nos uma lista bastante extensa, com receitas para todos os males, que nos faz pensar que o melhor será praticar a todas as horas, intensivamente, se se quiser levar uma vida saudável :) 
Pela minha parte não tenho nada contra, pelo contrário – sabes que sempre fui a favor de medicinas alternativas (alternar faz bem, combate o tédio e o enjoo); produtos naturais (o mais “ao natural” possível…); mezinhas caseiras (que não têm que ser, forçosamente, “em casa”)… e mais não digo – não posso esquecer que este é um blog seriíssimo!!!
Já começo a sentir o delicioso perfume do “Risoto de bacalhau” – uma verdadeira delícia a recordar Portugal… - que já vem a caminho. Para rematar vou regalar-me com um saboroso Tiramisù (isto é só para te fazer crescer água na boca…)
Não te faço mais inveja :)
Volto logo que possa.
Beijos imensos, com muitas saudades, do teu
Miguel




Carlos Hamilton disse...

Uau! Falar de amor nunca é demais.

Abraços

Emília Pinto disse...

Mas que assunto interessante, Mariazita! Falar de amor nunca é demais e ri muito com o comentário do PM. Está muito engraçado e de facto até neste caso é preciso ler a bula e dependendo da idade ir " com pouca sede ao pote ", porque, embora nunca tenha sido contado em livros, já se me constou que houve alguns casos em que " no melhor da festa " a dose se mostrou excessiva e a ambulância teve de ser chamada. E cá fico à espera do Ciclo do Amor, querida amiga. Agora quero agradecer-te pelo belo momento, muito interessante, e especialmente divertido. O Ciclo do amor promete!!! Fica bem, amiga e até sempre. Beijinhos
Emília,

São disse...

Olá, querida nenhinha!

pois, será muito gostos e saudável...mas tem que se ter parceiro, né?----

Beijinhos, muitos, e boa semana

Laura Santos disse...

Olá Mariazita!
Entra pelos olhos dentro que estás super feliz naquela fotografia. Um instantâneo fantástico!
O amor é a roda motriz de tudo o que de bom fazemos, porque algo muito mau se faz, nunca terá na sua génese qualquer sentimento de amor. Terá outra coisa qualquer, como um sentimento de posse, por exemplo.
Nunca imaginaria que pela pele se poderia determinar se uma pessoa é ou não sexualmente activa. Quanto ao amor como tratamento de beleza, acredito que realmente tenha muita influência na aparência da pele, no brilho do olhar,e no bem-estar geral.E quanto à queima de calorias há mesmo é que aproveitar porque ginástica não é comigo ;-))
Agora se os beijos poderão evitar muitas idas ao dentista, aí dependerá mesmo do estado da boca que se beija, mas é claro que aqui se está a partir do pressuposto que ambos têm bocas saudáveis;-)
Achei todas as explicações convincentes, e viva o amor que se se sente e se faz!
Gostei muito deste post, porque falaste de uma forma pouco aprofundada (porque seria impossível aprofundar mais) mas muito abrangente.
xx

Fê blue bird disse...

Primeiro minha amiga a foto, magnífica! Reveladora de um grande amor e cumplicidade.
Depois os texto, muito interessante e que li atentamente e embora já soubesse algumas das dicas :) outras como por exemplo "desentupir o nariz" desconhecia e tomei nota :)


beijinho

Cândida Ribeiro disse...

Manita Querida,

Que belo tema para um post. Amor, amor,amor....
Aqui o descreves e dás as dicas importantes para quem tem um bom companheiro :)))))
E como o amor é importante na vida do ser humano.... é mesmo, e eu acredito que só o verdadeiro amor, aquele que também toca a alma, é real.

Adorei o teu post, como sempre, e a foto que nos transmite a felicidade em que viveste com um grande amor. Lindos, lindos, lindos.....
Como Ele está feliz e continua a sorrir para ti.....ainda há quem diga que a vida não é eterna!

Bem, vou embora, porque o dia não está a ser fácil...mas tenho o dever de transformar as pedras em flores.

Mil beijinhos com muito amor da tua
canduxa

Graça Pires disse...

Lindo post, amiga. Realmente o amor é a coisa mais importante para o nosso equilíbrio emocional. Ao ler-te lembrei-me de Herberto Helder " E eu estaria a pensar nas palavras do amor, naquilo que se pode dizer quando a extrema solidão nos dá um talento inconcebível".
Obrigada pelo texto. Um beijo.

Lilazdavioleta disse...

Uma delicia este texto .
Só de o ler fiquei já mais bem disposta .
Uma reclamação apenas . . . continuo com sinusite :) .

A foto está linda .

Um beijo , Mariazita ,
Maria

Marilene Domingues disse...

Querida amiga Mariazita, em primeiro lugar: A foto que colocaste aqui já transmiti um elo lindo, assim como o tema de seu post...Amor! Como é bom falar de amor, fazer amor e compartilhar amor...Fora tudo o que foi dito aqui por você, as dicas dadas, ele o AMOR anda muito carente entre as pessoas, se ele o AMOR circulasse mais, invadisse mais o coração do ser humano, viveríamos de uma maneira mais gratificante, plena e bela...Adorei estar aqui e te ler novamente.
Deixo meu carinho e meu abraço apertado de ♥ pra ♥
Marilene

M. disse...

E viva o amor!!!
Beijinhos, boa semana e bom Verão!

Zilani Célia disse...

OI MARIAZITA!
ESTÁS LINDONA NA FOTO DA PRAIA.
ÓTIMAS DICAS SOBRE OS BENEFÍCIOS DO AMOR, ALÉM DO QUE, QUANDO ELE SE INSTALA NOS CORAÇÕES, TUDO AO REDOR SE ILUMINA.
MUITO LEGAL TEU POST.
ABRÇS

http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Falar de amor e... FAZER AMOR...SEMPRE! Uma lição pra lá de saudável! O AMOR é mesmo o maior "combustível" para uma vida feliz, de plena alegria. Fiquei ausente, um tempão, e volto para assistir à essa magnífica AULA DE AMOR, logo de primeira, deixando para mais tarde a "recuperação" das postagens anteriores, que não posso, e nem devo, deixar de ler.
Fica meu abraço, acompanhado de um carinhoso beijo, amiga!

São disse...

Venho informar-te que Eduardo Agualusa acabou de publicar um romance sobre a Raínha Ginga.

Beijinhos, neninha :)

Berço do Mundo disse...

A Mariazita é a prova de que amar mantém uma mulher bela. Mais uma imagem daquele namoro de que falávamos há dias, que se transformou num longo e terno casamento de 50 anos. Portanto, podemos dizer que a Mariazita é doutarada no tema, e dele sabe muito mais que os poetas eternamente apaixonados como o Camões (que suspeito estariam simplesmente enamorados pela possibilidade de amar).
Um beijinho enorme
Ruthia d'O Berço do Mundo

Amélia disse...

Olá Mariazita!
Bela receita de amor! O amor é lindo..não importa a idade, desde que seja correspondido.
Maravilhosa foto :-) petfeita'
Beijinhos

Evanir disse...

Pensei muito e Compreendi não importa quantos anos eu tenho.
Eu renasço todas as manhãs então no decorrer da vida podemos
recomeçar sempre. Sem perceber o quanto a vida nos
ensina só fiquei triste por perceber Como somos maus alunos
pois deixamos passar por nós o conhecimento
sem que o internalizemos.
Sem dar o devido valor no amor que Deus tem por cada um de nós.
Com essa mensagem de carinho..
Desejo um abençoado final de semana.
Que sua vida brilhe tal com uma constelação
de estrelas .
Um abraço e um carinhoso beijo.
Devotamente sua amiga:Evanir.

Duarte disse...

A isto é ao que se deve chamar um excelente tratado sobre o amor e os seus efeitos regeneradores: não temos que ir mais além da contemplação da bonita fotografia que ilustra este tratado. Que expressão de beleza, que candor, que imagem mais positiva. VIVA O AMOR!!! Tudo isto sempre que exista reciprocidade.
Abraços de vida, querida amiga.

Túlia Catalão disse...

Eis a cura de tantos males desde que...haja amor!
Boas férias
Bjis

Nina Filipe disse...

Olá amiga bom dia, amiga passei por aqui e reparei que o meu comentário não aparece aqui gostaria de saber se a amiga não gostou ou se ele anda por aí perdido.
Peço desculpa mas como já tem acontecido com outras pessoas daí a minha curiosidade, por vezes o blogue também nos prega partidas.
Beijinhos e mais uma vez me desculpe.

Crocheteando...momentos! disse...

Ai o Amor e a sua arte de AMAR...de nos fazer sentir nas nuvens... de vermos o encanto do luar doutro jeito...de saborear o prazer...e de ler um belo texto com que nos presenteou!
Bj amigo!

Duarte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
vitorchuvashortstories disse...

Olá, Mariazita!

Diz o ditado que quando o sol nasce é para todos, mas hoje bem o procurei e não o vi.Até saí de casa armado de chuço, imagina,para assustar aquela chuva que ameaçava cair- mas que ainda assim caiu...Mas como não há sábado sem sol, a coisa amanhã muda de figura...

Beijinhos amigos e bom fim de semana.
Vitor

Cris Braghetto disse...

Olá, Mariazita!
Uma verdadeira aula de saúde e você é um grande exemplo dos benefícios do amor. Parabéns pelo belo texto!
Gostei muito de saber do seu Blog Histórias de Encantar, vou lê-lo e, tenho certeza, vou me encantar com as histórias lá publicadas. Espero que você possa retomá-lo um dia.
Obrigada por engrandecer minhas postagens com seus comentários, que são sempre muito bem vindos.
Um grande beijo!

Dorli disse...

Fiz o comentário e não entrou
Nele dizia que aqui onde moro, nem tesão da, pois não chove há 4 meses e água nada. Vou viajar para a casa da minha irmã.kkk
Beijos
Lua Singular

Nina Filipe disse...

A casa da Mariquinhas
É uma casa tão bela
Será que tem tabuinhas
A segurar a janela.

Tem colcha de renda tem
E foi trabalhada à mão
E no centro dessa colcha
Tem bordado um coração.

A casa da Mariquinhas
É uma casa muito nobre
Tem a porta sempre aberta
E dá comer a quem tem fome.

A casa da Mariquinhas
É uma casa encantadora
Porque a dona dela é
Uma belíssima escritora.

Amiga, mais uma vez me desculpe
Mas como eu tinha feito esta gracinha
Fiquei triste por não ter chegado aí
«Deve de ter ido passar umas férias
Depois volta».
Tenha um lindo fim-de-semana com
Beijinhos de luz e muita paz, sim
Porque o sol hoje não quer nada com a gente.

Nilson Barcelli disse...

Tu sabes falar de amor...
Magnífico texto, gostei muito.
Querida amiga Mariazita, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Fátima Oliveira disse...

Oi Mariazita!
Adorei o seu post, o modo como sabe escrever qualquer assunto, de forma que ele fique envolvente, as vezes meio picantes, com este, mas com inteligencia sempre.
E falar de amor é sempre muito bom, a foto retrata bem que sabes do que fala, e falar de fazer amor, ainda hoje é meio delicado, mas como disse antes, não pra você que fez o assunto ficar leve e divertido, adorei viu?
Beijos e um belo final de semana!

Pérola disse...

Por aqui choveu e esfriou (Setúbal).

Pois...amor recomenda-se!

Beijinhos

Carmem Grinheiro disse...

Olá Mariazita, adorei seu belo post. O amor dá «pano pra manga», e você sabe bem dar as dicas certas, a observar sua foto lindíssima, onde amor é sentido na frontalidade dos sorrisos, no "estar" dos corpos, um virado para o outro, com franqueza e bem-estar, o que só se observa nos amores verdadeiros e duradouros como é o seu.
Bjo amigo

Nina Filipe disse...

Amiga mais uma vez aqui, porque não me deixaram dedicar este comentário no seu devido lugar mas não faz mal eu comento neste....
Ola minha querida que linda e maravilhosa história repleta de tanta emoção.
Também eu nunca me tinha deparado nestas paragens coberta de tanta emoção, vale a pena parar aqui e repousar neste encanto de palavras, amiga que lindos são os lírios de Macuá.
Deixo os meus beijinhos de luz e muita paz.

Lindalva disse...

O amor está no ar :-) Bom dia Flor do Dia... te convido para festa de encerramento da primeira fase do 9º Pena de Ouro, tem uma surpresa te esperando lá. Um enorme beijo no coração minha amiga.

http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/

Mirtes Stolze. disse...

Bom dia Mariazita.
Fazer amor com amor é bom demais, linda a foto,mostrado o amor rsrs.
Um feliz dia da amizade.
Abraços.

Anne Lieri disse...

Mariazita, uma excelente cronica e é bom demais saber dos beneficios do amor! Vamos amar mais,então!...rss...bjs e boa semana,

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Mariazita! Fiquei muito feliz com a tua visita e amável comentário deixado lá no Literatura & Companhia Ilimitada e, principalmente, por teres te tornado dele seguidora. Espero que voltes mais vezes, pois será sempre um prazer renovado. No blog, a história da literatura é apresentada desde o seu início. Com certeza, terás muito para ler.

Beijos e uma ótima semana para ti e para os teus.

Furtado.

Sotnas disse...

Olá prezada amiga Mariazita, e que tudo esteja bem!

Após ler mais este teu belíssimo escrito, e pelo tempo que demorei rolando a barra de comentários pra chegar ao local para deixar meu rastro, reforço minha certeza de que não são poucos os amigos que gostam de ler teus escritos, e também fico a me perguntar o motivo de pessoas que pensam e praticar bens sentimentos não é tão divulgado quanto são as malvadas que pensam, disseminam e sempre fazem questão de tratar e desejar aos semelhantes somente coisas ruins.
Mas, assim é a humanidade!
Penso que tudo que fazemos sem excessos, e que alegra a alma e o corpo faz bem para a vida!
Parabéns por mais este belíssimo escrito.
E grato por tuas gentis visitas e comentários eu desejo que seja sempre tão intenso e feliz o teu viver, um grande abraço e, até mais!

Fê blue bird disse...

Amiga Mariazita:

Hoje venho aqui me despedir, vou de férias que bem preciso :)
Desejo-lhe também, se for caso disso, umas boas férias e que tudo corra bem para si e para os seus.

beijinho

Lindalva disse...

Boa tarde amiga eis o link da surpresinha :-)
http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/2014/07/blog-post_20.html

E Não deixe de participar da votação ok? beijos

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde,
Fazer amor tem os seus benefícios, não sabia é que tinha tantos.
O texto é perfeito, a foto é bela e amorosa.
Dia feliz
AG
http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

O Árabe disse...

Boa semana, Mariazita. Aguardo o próximo post!

Bruno Mello Souza disse...

Adorei o texto, Mariazita!

Abraços!
www.dilemascotidianos.blogspot.com

Célia Lima disse...

Oi boa noite!
Vim te conhecer!
É a primeira vez com certeza que entro em seu blog e assim mesmo porque um comentário seu na Ilha da Lindalva veio ao meu e-mail...É que eu sigo esse blog maravilhoso. O fato é que vim seguindo as suas pegadas e vim parar aqui nesse texto maravilhoso e eis que descobrir algo esta faltando esse remédio em minha caixinha de primeiros socorros rsrsrs
Preciso resolver isso rápido!
E na oportunidade venho reforçar o convite que com certeza vc já sabe.
Começou a 9° pena de ouro cujo link é este aqui http://ostra-da-poesia.blogspot.com.br/ e poetas e poetisas contam com o seu voto não somente o seu voto mas como de todos os seus seguidores.Bjsss

Sissym Mascarenhas disse...

Mariazita!!!!!!!!!! Adorei! E faz tão bem à pele! Rejuvenesce. Porque rejuvenesce o espírito.

Beijos

Lita Duarte do Brasil disse...

Oi, Mariazita.
Inspirador o seu texto.:)

Bjs.

lis disse...

Oi Mariazita
Um texto que relaxa e que trás tantos benefício vale a pena ler e reler. rs
Li com atenção e agradeço.
E concordo que se não cura todos os males, ameniza-os.
um abraço grande e bons dias , bom verão .

Vall Nunnes disse...

Olá Mariazita, o amor é a solução pra pele, pros cabelos, pras emoções...
Enfim, amar faz bem, ser amada muito mais.
Uma pessoa amada sente-se segura pra enfrentar as dificuldades.
Até qualque dia!

Duarte disse...

Como bem dizes, Em Puebla de Arenoso, sou assim de franco, sempre expresso aquilo que sinto, se posso, é evidente.
Tu foste a fonte da inspiração.
Se passas por Montanejos não te arrependerás... "la belleza de las terras del Alto Mijares".
Com o desejo dum bom Verão, um grande abraço.
Bom fim de semana e um grande abraço.

Evanir disse...

Com muito carinho nesse fim de semana
venho desejar muitas coisas abençoadas
para você.
Feliz dia da avó.
Feliz dia do escritor para mim
escritor é todo aquele ,
que escreve um livro ou simplesmente
uma poesia até mesmo quando escolhe um poema.
O fato de escolher um poema ou um texto
para postagem não deixa de participar da vida do escritor.
O escritor esta no coração de cada um de nós.
Eu não me considero importante mais do
que ninguém por ter escrito
um livro.
Um feliz e abençoado final de semana beijos.
Evanir.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida Mariazita

O amor é o lenitivo para todas as dores.
Adorei como sempre ler-te.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Miguel disse...

Querida, respondi assim no meu blog (como é habitual):
Miguel24 de Julho de 2014 às 10:25

Nina minha
Daqui a pouco vou preparar-me para o almoço - almoçarada das grandes, com grande parte da família - comparativamente ao total dos elementos... não é grande :)
Fica descansada que não vou cometer excessos... alimentares (nem outros...)
É por isso (a almoçarada que me espera) que vou ser muito rápido.
Emocionaram-me, as tuas palavras!
Também comigo a lagrimita estava a ser atrevida... Não podemos dar-lhes confiança (às lagrimitas) senão elas abusam e lambuzam-nos :)
Por agora vou dizer-te apenas "OBRIGADO"!
Beijos e abraços apertados, tantos quantos possas aguentar...
Teu
Miguel

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Mariazita!

Olhando a amostra que por aqui desponta, parece que hoje o sol irá chegar para todos ... até por aqui mais a Norte - o que já não é sem tempo.

Um bom fim de semana, e beijinhos amigos.
Vitor

Nilson Barcelli disse...

Gostei de reler o teu post.
Fazer amor é mesmo bom para tudo...
Mariazita, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Silvia C. disse...

O meu (amor) esta se fazendo de difícil... tá dificl encontrar o verdadeiro :/
Um dia.... que seja breve!

Bom domingo
=^.^=

Gracita Fraga disse...

Querida Mariazita
O amor tem poderes curativos e como é prazeroso vamos fazer amor e viver cada dia mais feliz. Um lenitivo poderoso minha amiga.vim agradecer seu carinho diário comigo. Adoro abrir minha página e ver você. O meu dia fica luminoso com a tua presença.
Um domingo abençoado pleno de harmonia e amor
Beijos

Nina Filipe disse...

Olá minha amiga linda, já aqui estive mas fui comentar na casa da Mariquinhas, não lá muito bem mas acho que algo me impediu de o fazer por aqui.
Mas hoje aqui estou de novo pois adorei esta tão linda história e a maneira como ela é narrada, não há dúvida quem quem nasce para o fado não consegue cantar fandango, votos de um santo domingo com beijinhos de luz e muita paz.
PS:amiga mais uma vez fui barrada na entrada, talvez seja menor de idade,lol

Claudio Chamun disse...

Páris e Helena, Louis Lane e Super homem....
É o amor.. sempre o amor....

Beijos

Filipe disse...

passados uns anos estão os dois a discutir quem fica por cima, quem fica por baixo

MARILENE disse...

O amor é aquele sentimento que deixa s pessoas mais belas. E o mais importante é que todos os gestos, assim como a aparência, o demonstram. Amar é saudável, em todos os sentidos. Bjs.

O Árabe disse...

Aguardo o próximo post, Mariazita. Boa semana!

Beatriz Bragança disse...

Querida Mariazita
Eu era capaz,se tivesse essa possibilidade,de passar tardes inteiras a ler as suas composições! Delicioso,este seu texto! Pelo tema e pelos conselhos!
Só fiquei um pouco embaraçada com um detalhe:um entendido que passe por nós no verão,em que temos mais corpo a descoberto,pode aperceber-se de que fizemos amor...E eu ainda sou das que coram quando alguém se dá conta de que «vi um passarinho verde».
Numa altura de tanta guerra,guerrilha e destruição,sigamos o seu conselho que já era dado também pelos hippies:Make love,not war.
E viva o AMOR!
Muitos parabéns pela sua publicação.
Um beijinho
Beatriz