domingo, 20 de fevereiro de 2011

UMA HISTÓRIA DO IMPERADOR KRU WON


Hoje vou propor-lhe um jogo.
Começarei por contar uma história passada em tempos antigos.
A certa altura vou sugerir-lhe que faça uma escolha. De acordo?
Então continuemos para ver o resultado

Era uma vez um imperador da China Antiga chamado Kru Won, governante inteligente mas cruel, que liderava o seu povo com mão-de-ferro. Tinha muitas esposas guardadas por eunucos reais, enquanto ele se divertia jogando; ao mesmo tempo divertia os seus súbditos com jogos públicos.
Para seu mal, um dos generais de maior confiança do imperador apaixonou-se por uma das esposas predilectas de Kru Won e fugiu com ela.
Foram capturados e voltaram à corte de Kru Won, para receberem o castigo.
Era costume, em casos semelhantes, mandar cortar a cabeça do prevaricador.
Porém, desta vez, o imperador resolveu divertir-se com a situação, e proporcionar à sua corte um espectáculo diferente.
Ordenou que o general se colocasse no meio de um anfiteatro que tinha duas portas.
Debruçando-se do balcão onde se encontrava, o imperador falou para o general:
"- Atrás de uma daquelas duas portas mandei colocar uma donzela: atrás da outra encontra-se um tigre faminto.
Tu, general, terás que abrir uma daquelas portas. Assim, ou te casarás com uma bela donzela ou serás comido vivo.
A minha esposa, que partilhou a tua cama e se encontra aqui a meu lado, sabe atrás de que porta se encontra a donzela e qual a do tigre.
Como vocês dois sentem um profundo amor um pelo outro, dei-lhe permissão para que ela te indique qual a porta que deverás abrir."

O general olhou para a mulher amada, e ela indicou a porta à esquerda. Ele correu e abriu-a imediatamente.

QUEM É QUE ELE ENCONTROU ATRÁS DA PORTA? A DONZELA OU O TIGRE?

Chegou o momento de escolher

Obs. - A história foi escrita com o intuito de que a sua atitude interior em relação à vida surgisse naturalmente.
A sua resposta apenas vai evidenciar, de acordo com a sua escolha, qual o tipo de atitude natural que você tem em relação à vida e às pessoas.
Através da sua resposta, você poderá ter uma noção do seu QE (Inteligência Emocional).



TIGRE




Se você acha que atrás da porta escolhida pelo general se encontra o Tigre, significa que não confia na esposa do imperador, revelando uma atitude de desconfiança em relação ao mundo e às pessoas com quem convive.
Acredita, por exemplo, que sempre que uma pessoa lhe oferece ajuda está querendo alguma coisa em troca. *


DONZELA

Se você optou pela donzela demonstra que confia na esposa do imperador, e revela uma atitude positiva em relação à vida e às pessoas.
A simples presença de optimismo na personalidade é, por si só, um factor de maturidade e equilíbrio emocional, principal responsável pelo sucesso e pela felicidade das pessoas.
Atitudes positivas e optimistas aproximam as pessoas cada vez mais dos seus objectivos, facilitando a conquista de metas e a realização de projectos. * *


Voltando ao conto:
Imaginemos que o malvado imperador deixava sua esposa fujona indicar a porta e em seguida trocava as posições da donzela e do tigre…
Assim que o general seguisse o conselho da sua amada, ele não apenas morreria como a deixaria assombrada por ter indicado a porta errada.
Seria a forma mais cruel de punir ambos.

Mas se, no último momento, o general desconfiasse da indicação e optasse pela porta contrária à que a sua amada lhe indicava?
Nesse caso ele ficaria com a donzela, mas perderia para sempre a confiança na amante, pois sempre se lembraria que ela lhe indicara a porta onde se encontrava o tigre.

Portanto, num caso ou noutro, o imperador teria sempre a sua vingança.


** Segundo os cientistas entrevistados e citados por Daniel Goleman no seu livro «Inteligência Emocional» o optimismo na personalidade de uma pessoa é um factor essencial para o seu sucesso.
Está provado que pessoas optimistas e positivas são mais felizes e realizadas, desenvolvem relacionamentos afectivos, amorosos, sociais, profissionais e familiares mais equilibrados e gratificantes.
Em suma, a opção pela "Donzela" indica bom nível de maturidade e equilíbrio, emocionais que, somado a outros factores pode indicar alto nível de Q.E.

* Se a sua opção foi pelo "tigre", pense um pouco nisso. Será que você tem explorado todas as oportunidades que têm surgido na sua vida, ou está se limitando para não enfrentar os problemas que imagina que vão surgir?
De facto a opção pelo Tigre indica uma tendência pessimista em relação a possíveis resultados, que pode levar você a perder boas oportunidades de sucesso.
Pode parecer que nada dá certo para si, mas na verdade a sua atitude negativa é que é a verdadeira responsável pelos resultados insatisfatórios que vivencia.
Daniel Goleman

34 comentários:

  1. A inteligência emocional não se pode quantificar como geralmente se faz com a cognitiva, isto é, não existe um Q.E.

    Mas pode e deve ser educada e nesse aspecto estamos ainda muito atrasados.

    Acho fascinante o livro de Coleman, embora não traga novidades espectaculares. E nessa linha também já li outras obras bem interessantes.

    Aliás, já dei formação sobre o tema.

    Um bom domingo, neninha.

    ResponderEliminar
  2. Mariazita, que legalllllll este conto e jogo!

    Lendo..Imaginei de cara a porta da donzela indicada pela amante por assim mesmo se referir o rei: “ Como vocês dois sentem um profundo amor um pelo outro..”. Mas depois achei que este rei não podia ser tão bonzinho, óbvio demais né? Perderia a graça e o propósito do jogo. Comecei a torcer, obviamente, para que sua mulher observasse a astúcia , inteligência e crueldade do rei ,seu esposo ,e a possibilidade da troca das portas...Barbaridadeeeeeeeeeeeee! Num grande amor há que ter confiança, portanto não justificaria a desconfiança da porta indicada propositadamente. Agora se o general seguisse a porta indicada e viesse a morrer...A sua amante certamente teria uma assombração de culpa atormentando-a para todo o sempre. Óh crueldade!!!



    Beijos querida amiga! Adorei!

    ResponderEliminar
  3. Interessante post... Já li alguns textos do Goleman e embora em registo diferentes o Damásio tb explora sobre a Inteligência emocional. Permita-me, Mariazinha, discordar em parte com alguns aspectos de Goleman... no que diz respeito à linearidade entre causa-efeito... quando se fala de emoções é dificil estabelecer uma relação causa/efeito dessa forma...
    Pessoalmente, quando fui lendo, a minha escolha recaiu na donzela, mas de seguida (numa fracção de segundos) dei por mim a analisar as possíveis reacções/emoções em que o ciúme vinha ao de cima...(atenção que eu não sou ciumenta...eh eh eh... não mesmo. Então aí poderia ser outra a sua decisão, não poderia??? e se ela tivesse algum tempo para pensar? Tb poderiam existir outras alternativas que o autor não explora....As emoções do ser humano são demasiadamente complexas para podermos prever matemáticamente o que acontece a seguir...
    Bjs para si e um bom domingo

    ResponderEliminar
  4. E se ele manifestasse vontade que lhe indicassem a porta do Tigre?? e se ele lutasse com o animal e salvasse a donzela?....eh eh
    Eu sou uma romântica que ainda gosta dos filmes "casablanca", "e tudo o vento levou" e outros do Errol Flinn, lembra-se?

    ResponderEliminar
  5. Mariazita.
    Cá o Zé é mais pratico. Escolhia a porta do Tigre.
    Via-me livre de tudo duma só vez. do "Taurus" da mulher dele e da donzela.
    Para problemas já chegavam os que tinha. Podia ser que no ultimo instante o homem se arrependesse e eu partia numa falua Dardanelos abaixo, à procura de outra aventura mais venturosa.

    Beijokitas

    ResponderEliminar
  6. Passei por aqui maezinha do coração só para te deixar um beijinho ,e dizer-te o quanto te admiro e te estimo. Hoje os pequenitos estão muito irrequietos, amanhã comnetarei o post, que terei aínda de ler com a atençaõ que merece.

    Tem uma noite feliz. E uma semana óptima.
    Bjs com muito carinho e amizade.

    ResponderEliminar
  7. Boa noite Mariazita,
    aqui, um mimo para si.

    Beijinho,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  8. Boa noite amiguitaaa!!!

    Lendo a história do malvado imperador, fiquei a cismar... como sou 100% emocional acredito que o ser humano mesmo os mais vingativos como esse tal imperador, lá bem no fundo teria seu lado também emocional e quem sabe por uma fração de segundos teria bons sentimentos e resolvesse realmente fazer uma brincadeira de mau gosto, tipo "terrorismo emocional" com os amantes, as portas estariam vazias, nem tigre nem donzela, apenas uma lição no servo e ele ja estaria satisfeito com sua honra lavada, moral da história:(entre mortos e feridos, salvaram-se todos). Neste jogo eu amiguita, não gostaria de participar, a principio escolheria a porta do tigre, e acabaria de vez com a brincadeira de mau gosto do imperador, não gostaria de ver meu amor nos braços de outra, ai, sou um tantinho egoista rss.
    Beijinhos amiguita, desejo-te uma linda e satisfatória semana.
    Te gosto de montão.
    Jady tua amiga dessa e de outra vida... Fica com Deus!

    ResponderEliminar
  9. Olá Mariazita, desejo que tudo esteja bem contigo!
    O ser humano é uma das criaturas mais imprevisíveis, emocionalmente falando.
    O rei apesar de sábio, ele governava com mão de ferro, e ainda era cruel, e imaginar eu que ele fosse ter uma queda para o sentimento de bondade, a ponto de perdoar o seu general, e sua traidora esposa, seria um pouco demais. Seria o mesmo que crer eu em cegonha que traz os bebês no bico! Com certeza o general não teve um final feliz, igualmente a traidora esposa, que deve ter definhado até a morte e na seca também!
    É minha cara, talvez eu seja um desequilibrado emocional, não tão diferente e tão pouco igual aos demais! Mas não tão diferente dos dias atuais, naqueles tempos os imperadores orientais não valorizavam nada o ser feminino, exceto para procriar! Desejo a você e todos ao redor infinita felicidade, obrigado pelas visitas e comentários sempre carinhosos, abraços e até mais!
    Agradecido pelo selo de aniversário de seu blog!

    ResponderEliminar
  10. Mariazita
    À medida que lia a estória fui alterando o final conforme o meu raciocínio. Com tempo para pensar várias foram as questões que fui analisando. E foram muitas, o que contribuiu para me baralhar.
    Penso que, quando somos postos à prova em situações dramáticas, de decisão imediata, reagimos mais por instinto que por inteligência.
    Adorei o desafio.
    Beijinhos
    Lourdes

    ResponderEliminar
  11. Que interessante história! Eu, como sou sempre confiante na vida e no amor, juraria que a esposa do imperador lhe indicasse a porta com a donzela e que acabariam por ser felizes para sempre. O amor tudo vence, afinal...

    Um abraço,

    Em breve farei novo post.

    Maria Carmo

    ResponderEliminar
  12. COMO PARTICIPAR NAS EDIÇÕES DO EPISÓDIO CULTURAL?
    O Fanzine Episódio Cultural é uma publicação bimestral sem fins lucrativos, distribuído na região sul de Minas Gerais, São Paulo (capital), Belo Horizonte e Salvador-BA. Para participar basta mandar um artigo: poema, um conto, matérias (esporte, arte, sociedade, curiosidades, artesanato, artes plásticas, artes cênicas, biografias, etc.) em Times Roman 12. Pode mandar também artigos que abordem: cinema, teatro, esporte, moda, saúde, comportamento, curiosidades, folclore, turismo, biografias, sinopses de livros, dicasde sites, institutos culturais, entre outros.
    Mande em anexo uma foto pessoal para que seja publicada juntamente com a sua matéria.. Mande também (se desejar) uma imagem correspondente ao assunto abordado. Caso o artigo não seja de sua autoria, favor informar a fonte.
    PARA ENTRAR COM CARLOS (Editor)

    ResponderEliminar
  13. Mariazita

    Muito interessante a tua história e as avaliações em relação ao QE são muito válidas.

    O que nomalmente anlisamos ao ler ou ver esse tipo de história é realmente o que citas que a Princesa indicou a porta certa, mas o Imperador trocou as posições e aí concretizou a sua vingança.

    Foi dessa forma que pensei e hoje com meus sessenta anos posso até aceitar que tenha deixado algumas oportunidades passaream, mas não que me considere uma pessoa totalmente pessimista. Sou muito otimista, mas na vida atual sempre colocamos um pé na frente e outro atrás.

    Como sempre nos encanta com seus posts.

    Beijos

    ResponderEliminar
  14. Mariazita querida!
    Boa tarde!!!

    Vim ler as novidades e deixar um presente para você:

    Abra teu coração

    Quando tua alma

    Parecer pequena,

    Mesmo quando achar

    Que amar não mais vale a pena,

    Abra teu coração!

    E quando a noite chegar

    E a solidão te alcançar,

    Ainda assim, eu peço,

    Abra teu coração!

    Vou te contar um segredo:

    Um coração

    Só abre por dentro

    E só o dono tem a chave!

    E se ele se fecha ou se abre

    Depende unicamente de ti.

    Abra!

    Tire as mágoas,

    Jogue fora as tristezas,

    Deixe somente doces lembranças

    E faça um lugarzinho

    Pra acolher as belezas

    Que a vida te reserva.

    Tenho certeza

    Que a ternura vai fluir.

    Teu coração renovado

    Será fonte de alegria,

    E será maravilhoso te ver sorrir.

    Autora: Letícia Thompson

    ____________________________

    Boa semana!

    Beijinhos, muitos!!!

    Sônia Silvino's Blogs

    Vários temas & um só coração!

    ResponderEliminar
  15. Não haverá uma outra solução?
    Assim de repente só me lembro de uma para escapar ao tigre.
    Avançava para a porta e chegado, naquele pequeno instante antes de abri-la, sei que as minhas alvoraçadas funções intestinais não me deixariam mal, ou melhor, deixariam sim, e então abriria a porta.
    Se fosse o tigre, fugiria com o espectáculo e com o cheiro.
    Se fosse uma donzela, das duas uma.
    Ou fugia ela de mim, o mais natural, ou mandava-me tomar banho e seríamos felizes até à actualidade.
    Uma boa semana.

    ResponderEliminar
  16. Hey, Mariazita!

    Eu, romântica até o fim, escolhi a donzela... rs.

    Beijo grande!

    ResponderEliminar
  17. Oláa ! Eu escolhi o tigre :s
    caramba .

    mas adorei o jogo e a história também !
    *-*
    parabéns pela escolha do post.
    depois passa lá, tá att :)

    ResponderEliminar
  18. eu escolhi a donzela, pois acho que se eles se amavam era preferível ver o homem amado com outra mulher do que morto
    bj

    ResponderEliminar
  19. Um bom desafio sem duvida mas, romantica como sou escolhi logo a donzela...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Interessante o conto e o jogo que leva até a calcular a nossa impulsividade.
    Só mesmo teu! Podes continuar nesta onda que acho magnifica!
    beijocas
    Graça

    ResponderEliminar
  21. Eu escolhi a donzela, mas nao pensando no imperador, e sim, que se ela entregasse o amado para um tigre, nao o veria nunca mais, ele seria morto. Ao contrário se entregasse para a donzela (e nao teria pq ter ciúmes) pq foi uma opcao de vida ou morte.

    Ainda sinto-me caminhando nessa estrada de inteligência emocional, por isso nao considero 100% certo essas teorias.

    Muito legal o que propôs, gostei!

    ResponderEliminar
  22. Mariazita, amada!
    Apesar que já conhecia a estória e o livro, gostei de lê-la aqui na sua Casa. Ter uma inteligência emocional é prática que nossas vivências e maturidade nos traz. Não conheço um jovem que do alto do seu "posso tudo", "hormônios pulando" tenha.
    Beijuuss n.c.

    ResponderEliminar
  23. È com muito carinho que
    venho convidar você para
    festinha de 5 anos do
    Fonte de Amor.
    Por favor leia a postagem
    e vera onde sera a festa .
    e pegar o convite na postagem.
    O presente do Fonte esta
    postado na lateral esquerda
    do blog.
    beijos carinhos,Evanir.
    www.fonte-amor.zip.net
    Vem ta amiga .

    ResponderEliminar
  24. Olá amiga texto interessantissssssimo. Vim retribuir a visita que fizestes em minha Ilha e já estou te seguindo :-) pegastes o selo seguidor do meu blog? beijos!

    ResponderEliminar
  25. Mariazita

    A observação de é todo bem imaginada, ou não contivesse um bom dado dado, podia até estar errado (esquecer que o rei era preverso). Mas dentro de um bom raciocinio, sobre a escolha apresentada, a optativa não oferecia dúvidas.
    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Querida amiga ..
    O site tem bloqueio como é minha filha que faz prefiro me calar do que tentar mudar a maneira dela trabalhar.
    Eu enviei hontem para duas amigas pelo email delas.
    Só que hoje coloquei na postagem do blog o presente da lateral pode pegar na postagem amiga.
    Um beijo carinhoso ,Evanir.]
    www.fonte-amor.zip.net
    http://aviagem1.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  27. Muito bem feita a sua postagem.
    Um texto para refletir e pensar.
    Beijokas amada.

    ResponderEliminar
  28. Fica fria Mariazita lady sereia, a Lindava veio navegando e atravessou os sete mares tão logo vi teu apelo :-) olha o selo do meu blog se encontra no gadget PARCEIROS, mas te trouxe o link com todo carinho minha amiga http://i614.photobucket.com/albums/tt225/lavanda64/linkme.gif

    e quanto ao selo da minha afilhada Ivanir tb trouxe kkkkk tá vendo nem precisa sair da cadeira trouxe tudo na mão :-) http://i1205.photobucket.com/albums/bb440/neinhaguaru/Imagens%20Fonte%20de%20Amor/bannerpfonteamor.gif

    E não esqueça que domingo tem festa na Ilha conto com tua presença, lembrando que minha Ilha foi criada no navegador CHROME, então se o teu for IE ou MOZILA verás ela com algumas distorções, então baixa o chrome :-) beijos e beijos e trate de ser feliz!

    ResponderEliminar
  29. sim, sim.é assim mesmo .. não me arrisco mesmo a vê-lo com outra. rs

    quanto atualizar, me avisa :)
    passa lá ;D

    beeeeeeeeijos

    ResponderEliminar
  30. Gostei muito desta história : Mas infelizmente em relação à inteligênia emocional , o meu Q.I ,é baixo.
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  31. Querida amiga portuguesa,

    Já li o livro de Golemann e gostei muito.

    Interessante a história que publicou! Como sempre aprendo muito ao ler suas publicações.

    Beijos brasileiros, Teresa

    ResponderEliminar
  32. Mariazita,
    Gosto muito das lendas e histórias chinesas porque têm sempre um fundamemto filosófico e psicológico.Essa por ti publicada é muito interessante e minha escolha de abrir a porta foi a donzela,ao menos neste momento que lí.Acredito na relatividade dos fatos e sou do tipo que muda de opinião se for bem convencida a fazê-lo.
    Abraços,
    Bergilde

    ResponderEliminar
  33. OLÁ
    ADOREI SEU BLOG E ESTOU SEGUINDO
    ME SEGUE:
    WWW.AMORIMORTALL.BLOGSPOT.COM
    BEIJOS

    ResponderEliminar
  34. Muito legal!!!! Um jogo que leva a pensar,escolher e decidir tornando-se responsável pelo desfecho...a minha escolha foi pelo tigre,estou a pensar...de qualquer forma,estou emocionalmente abalada e aborrecida com a vida...uma bela lição...OLIVA

    ResponderEliminar

A SI, QUE VEIO VISITAR-ME, UM GRANDE
BEM HAJA!

BEIJINHOS
MARIAZITA