quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

ANITA

ANITA – EPISÓDIO VII

(Ficção baseada em factos reais)

Com um ar ligeiramente surpreso, Humberto respondeu:
- Falaste nisso ao meu pai? E rapidamente acrescentou – preciso ver…já
tinha combinado com os meus amigos…

FIM DO.EPISÓDIO VI

EPISÓDIO VII

Ao reparar no ar decepcionado de Anita, pôs-lhe uma mão no ombro, dizendo:
-Não fiques triste, “mãezinha”. Eu vou desmarcar com os meus amigos, e estarei presente no teu jantar. Mas não te esqueças de avisar o meu pai, por favor. Sabes que ele não gosta nada de surpresas…
Embora estranhando a recomendação do enteado, Anita depressa esqueceu o assunto, de tal modo se sentia alegre e até certo ponto feliz, como há bastante tempo não se sentia.
A perspectiva de rever as amigas e com elas passar algumas horas era-lhe muito agradável.

A tarde passou rapidamente nos preparativos para o jantar, enfeitar a mesa e vigiar a cozinha, dando um retoque aqui e acolá.
Por fim foi tratar da sua toilette, pondo-se bonita para receber as amigas.
A sua boa disposição era tão grande que, quando o marido chegou, o acolheu com um largo sorriso, o que raramente acontecia.

De facto, desde o dia em que Anita ficou noiva de Vicente, não mais se lhe viu um sorriso aberto no rosto.
Vicente notou, com agrado, a alegria de sua mulher, quando a encontrou no quarto perfumando-se com água-de-colónia.

Galantemente ofereceu-lhe o braço, conduzindo-a à sala, onde já se encontrava Humberto, elegantemente vestido para o evento.
Ao vê-lo, Vicente franziu o sobrolho, indagando:
- Onde vais, vestido dessa maneira?
- A lado nenhum. Apenas vou jantar aqui em casa, e penso que a minha querida madrasta gostará de me ver assim vestido para receber as suas amigas…
- O quê? Tu vais jantar em casa? Não tinhas já combinado jantar com os teus amigos? – perguntou Vicente, num tom ligeiramente ríspido, que tentou disfarçar, mas não passou despercebido a Anita.
- Tinha, sim, mas desmarquei, a pedido da tua mulher. E, dirigindo-se à madrasta:
- Anita, esqueceste-te de avisar o meu pai de que me tinhas convidado para vos fazer companhia…
- De facto não me lembrei. Mas não pensei que isso fosse importante…Também não avisei o teu pai de quais as amigas que ia convidar, e ele não se mostrou interessado em sabê-lo…pelo menos não me perguntou.
Voltando-se para o marido, indagou:
- Há algum problema em que o Humberto jante connosco?
Rapidamente, Vicente disfarçou o mau humor, compôs um belo sorriso, e sossegou Anita, assegurando-lhe:
- Não, claro que não, apenas fui apanhado de surpresa. Sabes que não gosto de surpresas…

O jantar decorreu alegremente. Anita parecia ter recuperado o gosto pela vida. À despedida ela e as amigas combinaram encontrar-se mais vezes.

Os dias foram passando, Anita governando a sua casa, Vicente tratando dos seus negócios, e Humberto permanecendo na casa.
Apesar de simpatizar com o enteado, que era atencioso e respeitador, Anita não se sentia à vontade na sua própria casa, tendo que conviver diariamente com ele.

Quando vivia em casa de seus pais, ao levantar-se, costumava pôr um robe sobre a camisa de noite, para ir tomar o pequeno-almoço, e só mais tarde ia tomar banho e vestir-se.
Depois que casara e viera para a sua casa na cidade, após a lua-de-mel, nos primeiros dias procedera do mesmo modo.
Porém, em breve alterou os seus hábitos, ao verificar que, sempre que entrava na sala para tomar o pequeno-almoço, Humberto já lá se encontrava, aguardando-a para lhe fazer companhia à refeição.

Com o passar dos dias, e não havendo alteração nesta situação, Anita sentia aumentar em si o desconforto.
Não podia esquecer que o filho de Vicente era praticamente da sua idade (dois anos mais velho do que ela) e tinha muito boa aparência, além de ser educado e bom conversador.

FIM DO.EPISÓDIO VII

32 comentários:

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Aí tem coisa. Anita deve estar apaixonada por Humberto e vice-versa. O despeito dela vem de ele a tratar como madrasta e não como mulher, arrescido do respeito, talvez até medo, do pai.
Cada vez me interesso mais por essa história, Mariazita. Continue, continue.
Beijos,
Renata

João Paulo Cardoso disse...

Oh, pá!
Já não tenho acompanhado a história como gostaria!!!

Esta primeira série da vida de "Anita" vai sair em DVD, não vai?

Beijos.

Giselle disse...

Mariazita,
mal vejo a hora de ler novamente, rs...
Linda, passa lá no meu bloginho que tem presentinhos para vc ...
beijo grande

Mariazita disse...

Querida Rê
Será? Não será? Mistério!...
Venha ver a continuação, brevemente.

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, João Paulo
Sabes o que me apetecia dizer?
- BEM FEITO! Quem te mandou não te manteres a par dos acontecimentos? Hein? hein?
Para castigo vais ter mesmo que comprar o DVD!
E não esperes que eu vá pirateá-lo para ti...

Até breve...

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Gi
Acalma tua ansiedade.
Esse coraçãozinho pode bater depressa demais, com tanta ansiedade! rsrsrsssss
Mais logo passo lá, tá, benzinho?

Beijinhos
Mariazita

Ana Martins disse...

Querida amiga,
que pena que já acabou esta parte!
fico aguardando ansiosa pela próxima.

Beijinhos,
Ana Martins

mundo azul disse...

___________________________________

Vou acompanhar melhor a segunda parte...

Beijos de luz e o meu especial carinho!!!

___________________________________

Pena disse...

Genial Amiga:
Uma deliciosa e fluente escita feita de encontros e desencontros no quotidiano da vida dos intervenientes em que a realidade, creio estar presente e visível.
Uma sensível e deslumbrante narração "desenhada" ao sabor da pena.
Rostos. Gestos, Atitudes. Ansiedades e instantes de constante "suspense" e emoção.
Espero a sua continuação com interesse e desejo do evoluir das situações, admiravelmente, concebidas.
Beijinhos de amizade e respeito imenso.
Com cordialidade e amizade sinceras

pena

OBRIGADO pela simpática visita e pelas palavras lindas lá expressas.
Bem-Haja, amiga!

ANA DINIZ disse...

Parece q a distância entre Anita e Humberto está difícil de manter. Ora Anita o aproxima de si, e de seu universo, fazendo questão q este fique para o seu jantar, ora se sente incomodada ao vê-lo disponibilizar sua companhia todas as noites à mesa...

Pode ser a solução para a vida dessa pobre... 'pular fora desse casamento arranjado' e desse marido...

Tá esquentando...


Beijos, minha linda!

stériuéré disse...

O que me agrada mais aqui, ainda é a facilidade com que leio os teus textos.... suaves e bastante agradáveis. Beijos amiga

Mariazita disse...

Querida amiga Ana Martins
Se isto não fosse bem doseado, as pessoas saturavam-se, não achas?
Assim, aos pouquinhos, é melhor.

E agora vai continuar assim seguidinho, não em todos os posts, mas sem grandes intervalos.
A ver se lhe vemos o fim!

Uma noite tranquila.

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Zélia
Muito obrigada por ter vindo!
Já tinha sentido sua falta...

Uma noite feliz.

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Meu caro Pena
Fico muito feliz por saber que a história da Anita lhe agrada.
E agradeço muito as suas palavras, sempre duma gentileza extrema.
Bem haja!

Uma noite muito feliz.

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Ana Diniz
Tu queres que a pobre Anita pule da "saia justa" em que a meteram,
seja lá como for!
A vida não é assim tão simples, minha querida...

Quem sabe não vai esquentar ainda mais?!...
Saberemos em breve.

Sonhos bonitos, quando forem horas disso.

Beijo carinhoso
Mariazita

Mariazita disse...

Sté, minha querida
Então não sabias que eu sou a suavidade personificada???
Ah! pois é, comigo é assim! Tudo muito suave (mas não me apertem os calos!!!)
Querida, isto foi brincadeira, tu sabes. Foi a forma de mostrar alegria ao ver-te.

Que tenhas uma noite tranquila e repousante.

Beijinhos
Mariazita

Vieira Calado disse...

Olá, amiga!

Para desejar-lhe bom fim de semana e que tomei conta do seu mail.

O livro vai seguir, penso 2ª feira. Amanhã ser-me-á difícil.

Desde já obrigado.

Beijinho

Daniel Costa disse...

Mariazita

Humm!... O romance promete surprezas, acho que ficou uma ponta cortina evantada.
Bem, não tentarei desvendar, Serei imaginativo demais?
Espero acompanhar a palavra da autora!
Bj
Daniel

Peter Pan disse...

Linda Amiga:
A serenidade e a harmonia sensíveis da sua extraordinária escrita, fascina de encanto.
Vive na serenidade linda do seu pensar. É doce.
Deve ser um perfeito e fantástico Ser Humano de bem.
Adorei e sigo o seu desenvolvimento com interesse e atenção.
Bem-Haja pela amabilidade no meu "cantinho".
Beijinhos de uma amizade que a respeita e estima imenso.
Um blog perfeito numa pessoa perfeita.
Bem-Haja pelo que é e significa de pureza e beleza.
Com uma cordialidade e admiração do tamanho do mundo.

Peter Pan/Pena

Mariazita disse...

Amigo V.Calado
Obrigada pela informação.
Bom fim de semana p'ra essas bandas...

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Meu caro Daniel
Um pouquinho de mistério (desde que não em demasia...) torna a vida mais saborosa. De acordo?

Vá acompanhando e ficará a saber TUDO...

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Meu caro Peter Pan
Amor com amor se paga...e procedendo assim está-se sempre de bem com a vida.

Um fim de semana feliz, tranquilo e repousante.

Beijinhos
Mariazita

São disse...

Desculpa, estou sem tempo e vim só te desejar feliz fim de semana.

Mariazita disse...

Olá, São
Obrigada, amiga.
Bom fim de semana também para ti.

Bjs
Mariazita

Francisco Sobreira disse...

Cara Mariazita,
Li os episódios que você enviou por e-mail. Agora, a partir desse VII episódio irei acompanhando aqui, mas só quero dar uma opinião no final da história, certo? No entanto, preciso lhe dizer o seguinte: no V episódio, você trocou 3 vezes o nome do marido de Anita (Vicente)por Arnaldo, o antigo namorado dela. Isso ocorre na parte em que, na lua de mel do casal, Vicente quer voltar para a cidade onde moram. Um beijo carinhoso e um belo fim de semana.

Mariazita disse...

Meu caro Francisco
Muito obrigada pelo alerta.
Como vê, para além de todos os motivos que apontei...ainda me faz falta um "revisor"!
Concordo com a sua decisão, é claro.
Você aguarda e eu aguardo. É justo!

Bom fim de semana.

Abraço carinhoso e beijinhos
Mariazita

elvira disse...

Li hoje os atrasados. Meu pai está muito mal no hospital, sofreu ontem amputação de uma perna, e eu não tenho tido tempo para visitar ninguém, passo o tempo entre o hospital e a casa de meus pais, onde está a minha mãe, paralisada do lado esquerdo por um AVC.
Não sei quando voltarei a ter tempo para a net, e para os amigos.
Um abraço e bom fim de semana

Desnuda disse...

Hummm....Claro que voltei atrás para me inteirar...Meninaaa está ótimo!!! Adorei!


Beijos, Mariazita!

Mariazita disse...

Querida Elvira
Tinha me apercebido de que estavas com problemas de saúde relativamente aos teus pais, mas não imaginei que fosse coisa dessa dimensão.
Tens que fazer uma ginástica enorme para das assintência a ambos.
Acredita que lamento imenso, e faço votos para que recuperem depressa.

Bom fim de semana e beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Sam
Hummm...que bom teres gostado!
Espero que continues a acompanhar.

Beijinhos
Mariazita

Táxi Pluvioso disse...

Hmmm, isto vai dar filhos-netos. Cumpre o sonho das mulheres lusas modernas. Um marido e outro suplente...

Fenix disse...

Humberto teria sido uma opção melhor para a Anita, do que Vicente, o seu pai...

Muito bem escrito.
Beijinhos