domingo, 5 de outubro de 2008

BUNDA MOLE, É?

Os telespectadores portugueses, especialmente os que vêem ou viram novelas, lembram-se dela, com certeza, actuando em «A próxima vítima», «Olho no olho», «Brega e chique», entre outras.

Nascida a 1 de Maio de 1955, Patrícia Travassos é actriz e roteirista brasileira.
Começou a sua carreira artística pelo teatro, compôs canções e dirigiu espectáculos duma banda rock.
No cinema participou de roteiros e actuou nalguns filmes.

Actualmente apresenta, na televisão, o programa “Alternativa Saúde”, no canal GNT, e é cronista de revista Marie Claire.

O seu primeiro livro chama-se «Este sexo é feminino». É dele o excerto que partilho convosco.

Belinha acordou às seis, arrumou as crianças, levou-as para o colégio e voltou para casa a tempo de dar um beijo burocrático em Artur, o marido, a fim de trocarem cheques, afazeres e reclamações.
Fez um supermercado rápido, brigou com a empregada que manchou seu vestido de seda, saiu como sempre apressada, levou uma multa por estar dirigindo com o celular no ouvido e uma advertência por estacionar em lugar proibido, enquanto ia, por um minuto, ao caixa automático tirar dinheiro.
No caminho do trabalho batucava ansiedade no volante, num congestionamento monstro e pensava quando teria tempo de fazer a unha e pintar o cabelo antes que se transformasse numa mulher grisalha.
Chegando ao escritório, foi quase atropelada por uma gata escultural que, segundo soube, era a nova contratada da empresa, para o cargo que ela, Belinha, fez de tudo para pegar, mas que, apesar do currículo excelente e de seus anos de experiência e dedicação, não conseguiu.
Pensou se abdômen definido contaria ponto, mas logo esqueceu a gata, porque no meio de uma reunião ligaram do colégio de Clarinha, sua filha mais nova, dizendo que ela estava com dores de ouvido e febre.
Tentou em vão, achar o marido e, como não conseguiu,
Resolveu ela mesma ir até o colégio, depois do encontro com o novo cliente, que se revelou um chato, neurótico, desconfiado, e com quem teria que lidar nos próximos meses.
Saiu esbaforida e encontrou seu carro com pneu furado.
Pensou em tudo que ainda ia ter que fazer antes de fechar os olhos e sonhar com um mundo melhor.
Abandonou a droga do carro avariado, pegou um táxi e as crianças.
Quando chegou em casa, descobriu que tinha deixado a pasta com o relatório que precisava ler para o dia seguinte, no escritório!
Telefonou para o celular do marido com a esperança que ele pudesse pegar os papéis na empresa, mas o celular continuava fora de área.
Conseguiu, depois de vários telefonemas, que um “motoboy” lhe trouxesse os documentos.
Tomou um banho, deu o jantar para as crianças, fez os deveres com eles e os botou para dormir.
Artur chegou irritado de uma reunião em São Paulo, reclamando de tudo.
Jantaram em silêncio.
Na cama, ela leu metade do relatório e começou a bocejar de sono.
Quando estava quase pegando no sono, sentiu uma apalpadinha no traseiro com o seguinte comentário:
“-Tá ficando com a bundinha mole, Belinha... Deixa de preguiça e comece a se cuidar...”
Belinha olhou para o abajur de metal e se imaginou martelando a cabeça de Artur com ele.
Respirou três vezes profundamente, mentalizando a cor azul, e ponderou resolver agir com sabedoria.
No dia seguinte, não levou as crianças ao colégio, não fez um supermercado rápido, nem brigou com a empregada.
Foi para a academia e malhou duas horas!
De lá, foi para o cabeleireiro pintar os cabelos de acaju e as unhas de vermelho.
Ligou para o cliente novo insuportável e disse tudo que achava dele, da mulher dele e do projeto dele.
E aguardou os resultados da sua péssima conduta, fazendo uma massagem estética que jura eliminar, em dez sessões, a gordura localizada.
Enquanto se hospedava num “Spa”, ouviu o marido desesperado, tentar localizá-la pelo celular e descobrir por que ela havia sumido.
Pacientemente, ela não atendeu...
E, como vingança é um prato que se come frio, mandou um recado lacônico, para a caixa postal dele:
“-A bunda ainda está mole... Só volto, quando estiver dura...
Um beijo da preguiçosa!..”
Mulher não é um bicho inteligente?

Extraído do livro “Este sexo é feminino” de Patricia Travassos

42 comentários:

Giselle disse...

Mariazita,
esse texto é hilário, fala sério, mulher é híper inteligente, nos matamos pelos outros e ainda somos marteladas, ah não, mando tudo para os ares mesmo, rs ...
Olha agora falando sobre a mulher Patrícia, eu a adoro, sempre assisto ao programa dela na GNT.
Querida tenha um excelente domingo,
com carinho,
Gi

o que me vier à real gana disse...

Não conheço a dita senhora, um facto; escreve bem, outro facto... " ... um beijo burocrático..."... genial!

A "casa da mariquinhas" tb é de excelência. Parabéns!

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Amiga:
É com tristeza e lágrimas nos olhos que venho aqui despedir-me, pois estou deixando a Blogosfera, pelo menos por ora. Estou com tantos problemas que nem sei por onde começar a resolvê-los. Mas o Blog ainda é meu e mantive o meu perfil, caso possa voltar. Fiz uma postagem de despedida. Se quiser despedir-se de mim, apareça.
Foi uma honra conhecê-la.
Um abraço,
Renata Cordeiro

stériuéré disse...

Não , não me zanguei , ora essa, eu é que sou tão pró na informática e na net que ( não sei porquê) não conseguia cá entrar.
Muito obrigada pela visita, os seus comentários são de muito meu agrado. Agora , relativamente ao seu post.....
As mulheres são mesmo cá duma raça......
Fortes, quando têem que ser e, moles quando se deixam amolecer, claro que pela raça inferior(hehehehehehehhehe, ou ficam com a bunda mole)
Por isso, as mulheres , são muito complicadas , e durante toda a vida o continuaram a ser . Ora querem que lhes seja dita a verdade nua e crua ( e depois zangam-se) ora pedem delicadamente que lhes digam a verdade um pouco suave ( mentira). E são estas pequenas coisas , que fazem de nós um ser muito inteligente.POR ISSO, HOMENS NÓS QUEREMOS OUVIR MENTIRINHAS SUAVES( mas não abusem)
Beijos Mariazinha, a sua casa é muito agradável.

Mariazita disse...

Oi, Giselle
Também acho este texto muito engraçado.
Sem dúvida que "esta" mulher foi muito inteligente.
Mas não são todas -:)))
Até amanhã
Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Olá Carlos Gil
Obrigada pelo "excelência" da Mariquinhas.
Concordo que Patrícia Travassos escreve bem, com muito humor.
Beijocas
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Renata
Já fui lá deixar meu abraço de "até breve".
Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, Sté
Finalmente conseguiste abrir a porta??? Não me digas que estava ferrugenta-:))) Não a ouvi ranger...
É como dizes, mulher é bicho danado de bom!
E quando toca a uma vingançazinha ninguém a agarra!
Volta sempre, querida.
Gosto de te ver por cá.
Beijinhos
Mariazita

Victor disse...

Querida Mariazita
Como nos habituaste uma partilha muito interessante que nos mostra o cruel que é a vida actual.
Mulher trabalha não em duplicado mas muitas vezes mais do que o que deveria ser para sentir um real bem estar.
Mas a sociedade sempre lhe exige mais e mais...
Beijinhos.

xistosa - (josé torres) disse...

Por isso é que sou malquisto em muitos locais.
Não gosto de calar o que sinto, mas gosto de ler tudo o que escrevem.

Mariazita

Como gosto de ler e comentar, só posso dizer o que me perpassa o pensamento, neste momento.

- O homem, (certamente que nem todos), não dão valor ao trabalho feminino, por isso são ultrapassados em tudo.
- As pequenas grandes coisas com os filhos, a maioria dos homens, nem saibem o que se passa na SUA casa.
- Por isso, quando alguma mulher trai um homem, (há sempre excepções), é porque o "cego" não vê o que tem dentro de casa.
- Um ser humano tem um limite para o sofrimento ...
- A mulher sofre em silêncio, dos séculos antepassados que não a deixavam falar.
- Por isso sou um defensor do trabalho feminino.
Coisas que certamente 99 % dos homens nem sonharim fazer e diariamente a mulher faz a um ritmo impressionante.
Não sei se é da idade, se da vivência ou convivência, mas vivo cada momento, como se fosse homem e mulher ao mesmo tempo.
Felizmente que a minha companheira de há 35 anos é exactamente igual.

É esta correspondência que nos induz a continuar a viver assim.

Gostei do seu texto.
No fundo é a segregação da mulher.

Por uma libertação de ambos os sexos, mas em harmonia!!!

Vivian disse...

...pobre dos homens que sonham
substimar a mente feminina...

coitadinhos...

este texo é fantástico,
e você tbm em publicá-lo
aqui para teu público,
masculino principalmente...rss

Patrícia Travassos é excelente
como apresentadora e atriz.

gente que sabe...

amei conhecer tua casa...

muahhhhh

Mariazita disse...

Olá, Víctor
É verdade que algumas mulheres são sacrificadas em excesso. Exige-se-lhes demasiado.
Não é, por isso, de admirar que algumas se revoltem...
Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, Xistosa
Que bom que compreende o que é o trabalho duma mulher dentro de casa (e a maioria das vezes fora de casa).
É pena que nem todos os homens o compreendam assim. Evitar-se-iam, certamente, muitas situações desagradáveis, que, não raras vezes, acabam mesmo em rotura.
Um abraço
Mariazita

Mariazita disse...

Oi, Vivian
Bom te ver aqui na minha casa.
É isso aí! Às vezes homem é abusado mesmo!
Mas com mulher inteligente...não faz farinha -:)))
Obrigada por teres vindo.
Volta sempre.
Bjocas
Mariazita

Gerlane disse...

Um texto com uma das características marcantes da mulher contemporânea: a inteligência bem-humorada.

Beijos!

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Mariazita:
Dado que estou vivendo no limite do insuportável e não sei onde vai dar isso, para não deixar o meu Blog às mocas, estou fazendo pequenas postagens, em geral imagens de filmes e poemas relacionados que eu traduzo. Quero que vá ver, mas esta é a última vez que chamo. As pessoas ter de ir espontaneamente.
Um beijo,
Renata

Leonor disse...

ola mariazita
a senhora que segura a criança é linda. es tu?
obrigado pela visita e pelo elogio ao meu sitio. tambem gostei dos teus dois espaços.
beijinhos

Ana Diniz disse...

Ai, ai, sem palavras, Mariazita.

Será que digo o que penso?

Na minha opinão, no texto, ela e ele são dois completos idiotas...

O mundo é uma perdição.

A vida está sendo jogada fora, meu Deus!

Tudo isso vai ser roído pelos vermes!

Gosto muito da Patrícia Travassos. É bastante crítica. Me ajuda a ser tbm.


Bjos.

LUX

Ana

daniel disse...

Mariazita

Não conhecia Patrícia Travassos, mas pelo que li aqui e também pelo que apresentas, fiquei encantado com o poder ficcionista, possívelmente nem o será tanto, pelo modo como se nos apresenta o mundo.
Sobre o poema, retratando a realidade, o crédito é devido a anotações do meu diário da comissão.
Beijo,
Daniel

Mariazita disse...

Oi, Gerlane
É exactamente isso: inteligência bem humorada.
Beijos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Renata
Passarei por lá mais tarde.
Bjs
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, Leonor.
A "senhora" ERA eu, sim, há uns anitos...
Obrigada por teres vindo.
Volta sempre.
Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Ana
Penso que Patrícia Travassos usa um humor extraordinário para caricaturar uma situação que não é tão invulgar como se pode imaginar.
Ainda há homens, felizmente cada vez menos, que não valorizam os sacrifícios da mulher moderna.

O mundo foi, para quem acredita nisso, uma criação de Deus.
É nosso dever lutar para que não seja "uma perdição"...

Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, Daniel
O texto de Patrícia Travasos é ficção, sim, mas nele transparece
uma grande realidade.
É o mundo moderno em que vivemos.
Tenhamos esperança que mude para melhor...
Beijinhos
Mariazita

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Mariazita, querida:
Tenho algumas coisas a dizer. Não vou fechar o Blog, mas estou fazendo pequenas postagens de cenas de filmes com poemas ou letras de músicas (traduzidos por mim) relacionados. Ante-ontem fiz uma e ontem à noite fiz outra. Também decidi que não vou chamar ninguém para comentar os meus posts. Quem gostar de mim, o fará espontaneamente.
Um beijo,
Renata

Mariazita disse...

Querida Renta
Meus parabéns.
Tomou a decisão mais acertada.
Bjs
Mariazita

Oliver Pickwick disse...

Bem feito para o marido por subestimar a inteligência da mulher. Merecida vindita.
Um beijo!

Xinha disse...

Patricia é uma mulher moderna, muito inteligente e acima de tudo, bem-humurada ... ;)

Bom post !

Xi-coração

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Mariazita, tudo bem?
Olha, a Patrícia Travassos sempre foi uma mulher "chic" sem ser afetada. Sempre teve uma ótima situação financeira, mas optou pela Arte...Uma mulher e tanto!
Parabéns pelo post!!!Bjsss

ANA DINIZ disse...

Concordo, Mariazita.

Mas é que minha vida é muito distante disso. Eu não conheço isso em vivência, nunca experimentei isso e nem desejo. Apenas indiretamente, na figura de meus pais, eu presenciei o machismo e a passividade da mulher... Hj, divorciada há anos de meu pai, minha mãe tem outra cabeça, embora ainda não seja como a minha... Eu não sou feminista. Detesto feminismo e machismo, são lados da mesma moeda. Defendo, acima de tudo, o respeito incondicional ao ser humano.

Somos iguais. E, caso quisermos, livres. Livres de verdade.


Beijos, querida!

Ana

Berro d'Água disse...

Gostei de teu espaço, post e de tua vista ao Berro d'Água. As flores são mesmo agradáveis demias de serem admiradas, mas as orquídeas são irresistíveis. Aquela que está na última fotografia do post que citas e que tens uma igual em tua casa, era de minha avó... Imagine que eu a tenho a muitos e muitos anos e e3u a ganhei como parte da herança deixada por ela.

Foi um prazer te receber e volte sempre!!!

Beijo,
Cristina

Mariazita disse...

Oi, Oliver
Como seu comentário me fez feliz!!!
Só por isso merece três
BeijOOOcas
Mariazita

Mariazita disse...

Olá, Xinha
Também acho, é de um humor incrível!
Um xi e beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Oi, Vanuza
Ignorava esses detalhes da Patrícia.
Conheci-a como actriz ( e muito boa!) e agora no campo das letras.
Obrigada pela informação. É sempre bom saber algo mais.
Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Querida Ana
As estrelas estão muito distantes de nós, mas nós sabemos que elas existem.
(Num post anterior eu escrevi; "Amigos são como estrelas; às vezes não os vemos, mas sabemos que eles estão lá".
Mas eu entendo-te, sim.
Às vezes preferimos alhear-nos de certas coisas...
Deixa p'ra lá!
No fundo, este texto é humorístico, é para dispor bem.
Uma noite de paz, querida.
Beijinhos
Mariazita

Mariazita disse...

Oi, Cristina
Quando eu tiver um tempinho vou pôr aqui no blog fotos das minhas orquídeas, para veres como são bonitas.
Obrigada por teres vindo.
Volta sempre.
Beijinhos
Mariazita

JADY*ALVES disse...

Amo a pessoa e atriz Patrícia Travassos.
Ela nasceu no mesmo dia que minha "fadinha" neta Bárbara eu não sabia...Que legal.
Mulher pra se levar como exemplo, puxa vida e eu nem sabia que tbm era escritora.
Adorei o texto, deu-me vontade de continuar a leitura e dar um desconto nesse 'homens' tão abusados, onde já se viu, com certeza que nem tempo tem de olhar-se no espelho, mas apalpando-se vão encontrar alguma coisa sobrando em algúm lugarzinho né não? rss
A mulher entre tantos afazeres ainda encontram fôlego pra tantas 'cositas' mais, mas
Graças a Deus homens Machistas já se encontram em decadência, esses merecem sim uma justa lição, quem sabe acordam pra vida.

Ótima semana, muita luz em seu caminho,
Abraços e carinhos

Mariazita disse...

Querida Jady
Que bom que você ficou conhecendo um pouco melhor essa mulher tão digna de nosso respeito!
E veja a coincidência da data de nascimento! Quer dizer que sua fadinha vai ser também uma vencedora!
Homens assim ainda há por aí alguns...mas estão começando a aprender a dar o real valor à mulher...
É preciso dar-lhes tempo. Não se aprende tudo num dia só...-:)))
Uma semana feliz
Beijinhos
Mariazita

Vilma Tavares disse...

Sou apologista da seguinte frase:
"as mulheres são terríveis , e os hmens são uns tolos."
Precisa dizer mais alguma coisa?

Mariazita disse...

Querida Vilma
Sabe que você tem razão?
São mesmo uns bobinhos...por isso às vezes recebem destas lições...
Beijinhos, amiga
Mariazita

Táxi Pluvioso disse...

As telenovelas brasileiras fizeram Portugal progredir milhares de anos no tempo.

Mariazita disse...

Olá, Táxi
Concordo inteiramente!
Abraço
Mariazita